nasceu em Resende Costa/MG no dia 16 de novembro de 1924, filho de João Evangelista Lara e Ana Antonia Lara teve nove irmãos. É ele o autor do Hino do município. Foi casado com Nilse Gonçalves Lara durante quase 50 anos. Sua esposa faleceu dias antes das bodas de ouro. Abel e Nilse Lara tiveram duas filhas, Ana Rita e Nair Cristina.

Professor, jornalista, poeta/trovador, seu primeiro livro foi "Alma Atormentada", em 1953. Foi uma figura proeminente na cultura de Resende Costa. Faleceu no dia 19 de junho de 2013.

 Não sinto medo da morte
pois pela fé não me engano;
a vida não sofre corte,
vai seguindo em outro plano

Dizem que beijo é pecado,
nem sei mesmo quem falou.
Mas quem disse está enganado,
ou então nunca beijou...

A mulher é uma serpente
de poder encantador:
morde nos lábios da gente,
deixa o veneno do amor!

O mundo... Que importa o mundo?
O mundo foi sempre assim...
Não deixe, nem um segundo,
de pensar somente em mim.

Assim como em cada flor 
há um perfume diferente,
há também sorriso e dor
no rosto de muita gente...