ALBERTO LIMA  nasceu no Rio de Janeiro no dia 29 de julho de 1898, sendo seus pais, José D'Almeida Costa Lima e Ana Mendes Lima. Pintor, poeta, professor de Herádica, pertencia a várias academias de letras. Como funcionário civil do antigo Ministério da Guerra, escreveu vários livros tendo como tema o Exército. E outros de trovas.

Se um dia só não te vejo,
sinto um vazio terrível;
pois, só tu és meu desejo,
em nosso amor impossível.

Velhice não é doença,
todos sabem muito bem.
Porém, quanto mais descrença,
mais depressa ela nos vem...

Quando estou junto de ti,
tudo me sai a contento,
por isto, a mim prometi
não te deixar um momento.