Este concurso foi realizado quando  dos festejos do Jubileu de Ouro da entidade Alcoólicos Anônimos de Niterói (1935-1985), sob coordenação da UBT do Estado do Rio de Janeiro, sob a presidência, à época, de Latour Arueira.

(os nomes premiados encontram-se em ordem alfabética, dentro de cada segmento)

TEMA:  "BEBIDA"

VENCEDORES

Quem já foi homem de bem,
e se fez trapo na vida,
sabe as lágrimas que tem
cada copo de bebida...
ALOÍSIO ALVES DA COSTA - Nova Friburgo

Ante um copo de bebida
o homem sela sua sorte:
um passo a menos na vida,
um passo a mais para a morte...

Um pai ébrio. Um infeliz
vagão que foge dos trilhos,
deixando uma cicatriz
no coração de seus filhos.
ARGETINA DE MELLO E SILVA - Curitiba

Se guarda mágoas da vida,
adote sempre este lema:
trabalhar - porque a bebida
não resolve o seu problema!
EUGÊNIO CARVALHO JÚNIOR - João Pessoa/PB

Chorava aquela criança
ao ver entregue à bebida
aquee que era a esperança
de encainhá-la na vida...
IRALDO SILVA - Niterói

Na bebida o que é mais grave
é que engana a todo mundo:
- sendo um declive suave,
leva ao abismo profundo...
IZO GOLDMAN - SP

Se o álcool matasse a mágoa,
Deus, que é Pai e Amor fecundo,
não teria enchido d'água
todas as fontes do mundo...
JOSÉ MARIA MACHADO DE ARAÚJO - RJ

Se a vida está te magoando,
não bebas, mantém a calma,
pode ser Deus auscultando
os valores de tua alma.
LILA RICCIARDI FONTES - SP

Tudo será mais fecundo
e a vida bem mais florida,
quando sumirem do mundo:
o crime, a droga e a bebida!
MARLENE MARIA DA SILVA MENEZES - Porangatu/GO

O bisturi da bebida
faz a operação medonha:
antes de ceifar a vida,
extirpa toda a vergonha.
MILTON SEBASTIÃO SOUZA - Porto Alegre

MENÇÕES  HONROSAS

Quando se ama a liberdade,
faz-se clara esta lição:
- A bebida é a cela e a grade
da mais sórdida prisão.
ADÉLIA V. FERREIRA - SP

Ocultos no Anonimato,
unidos por Tradição,
os AA, em cada ato,
à bebida dizem NÃO.
BENEARLE DE FRANÇA CONCEIÇÃO - São Gonçalo/RJ

Se queres dias risonhos,
levar tudo de vencida,
embriaga-te de sonhos,
porém, nunca, de bebida.
DIAS MONTEIRO - Taubaté/SP

Vejo os que vivem dizendo
que bebem para esquecer;
esqueceram que é bebendo
que se esquecem de viver!!!
IZO GOLDMAN - SP

Teria, o homem, na vida
mais ventura
e gozo pleno,
se ante a palavra: bebida,
aprendesse a ler: veneno!
JOSÉ MARIA MACHADO DE ARAÚJO - RJ

De que adianta a bebida
disfarçando a dor medonha?!...
Passa o efeito... fica a vida...
e a dor somada à vergonha!...
LINDA BRANDÃO DIAS - Nova Friburgo

Cachaça, além de bebida,
é um bom meio de transporte:
reduz a estrada da vida,
faz chegar depressa a morte.
MILTON SEBASTIÃO SOUZA - Porto Alegre

Bebida... Derruba o forte,
e ao fraco torna valente;
devagar, conduz à morte,
depressa liquida a gente.
RENAN GUEDES - Nova Friburgo

Se a solução dos problemas
fosse fácil na bebida,
geometria e teoremas
seriam "canja" na vida.
WILSON CLÓVIS DE ANDRADE - Ribeirão Preto

MENÇÕES  ESPECIAIS

Bebida é a estrada que a gente
vai trilhando sem parar
e observa de repente
que já não pode voltar...
AYRTON CHRISTOVAM DOS SANTOS - Cabo Frio/RJ

Não adianta força bruta
contra a bebida, nem grade!
Só uma força vence a luta,
e esta é a força de vontade.

É a bebida que conduz
os homens à perdição:
tira a beleza da luz
e a luz de sua razão.
CONSTANTINO GONÇALVES - Campos/RJ

No altar o cálice erguido
oferta o vinho da vida
mas no balcão preferido
a morte é o fel da bebida.
JOÃO LOPES PAIVA - Paraisópolis/MG

Sê sóbrio, caráter pleno...
Pelo álcool não te interesses!
Bebida alante é veneno:
quando ela sobe, tu desces!
LAVÍNIO GOMES DE ALMEIDA - São Vicente/SP

Quem tem prática da vida
tem razões para afirmar
que, só lucram com bebida,
os que são donos de bar.
NEY DAMASCENO - RJ

Não bebas. Já é um castigo
o amor e a fé que perdeste...
Entre os teus erros, amigo,
por Deus, não ponhas mais este!...
SÉRGIO BERNARDO - Nova Friburgo

A bebida sempre fez
o transporte da desgraça:
Pacard de rico: o escocês;
Metrô de pobre: a cachaça.
THARCÍLIO GOMES DE MACEDO - Taubaté/SP

-------------------------------------------------
NOTA = esse material foi uma gentil contribuição do "Magnífico Trovador" IZO GOLDMAN, da UBT São Paulo/SP