AMADEU LAGINESTRA nasceu no Rio de Janeiro em 24 de julho de 1914. Foram seus pais: Miguel Laginestra e Matilde da Silva Fari. Residia em Teresópolis onde, hoje, há uma rua com seu nome. Seu primeiro livro, em 1962, foi "Ponte da Saudade". Como pesquisador, publicou "Teresópolis, pesquisa histórica".  Faleceu em setembro de 1990.

Teus lábios finos... pousados
ardentemente nos meus,
selam beijos tão ousados
que custo a crer sejam teus!

Quando partiu, em verdade,
ela jurou, eu jurei,
que quem sentisse saudade
chorasse um pouco... Chorei!

Nossa vida edificamos
com harmonia invulgar.
Temos filhos, trabalhamos.
- Deus proteja nosso lar!

Duas saudades espero
levar comigo ao morrer:
da mulher que muito quero,
dos filhos que vi nascer.

Sê bem-vindo, forasteiro,
Nova Friburgo te espera,
com cravos o ano inteiro
e rosas na Primavera.