Falecido em 21 de setembro de 2014, aos 91 anos. ARTUR EDUARDO BENEVIDES, nascido em Pacatuba/CE, no dia 25 de julho de 1923, era conhecido como o "Príncipe dos Poetas Cearenses". Autor de quarenta e seis livros.

Foi somente para vê-la
que vim aqui, de verdade.
Já não consigo escondê-la:
tudo em mim é claridade.

Perdão! Perdão, minha bela!
Adeus! Adeus, já me vou.
Seu olhar é luz de vela
no quarto escuro que eu sou.

Desculpe, rogo bondade
por minha insana ousadia:
levá-la, sendo saudade;
deixá-la, sendo poesia.