ÂMBITO NACIONAL - TEMA: "VELHICE"
(10 VENCEDORES, por ordem alfabética)

ALOÍSIO BEZERRA - Fortaleza
Lembrando sonhos dispersos
e os madrigais que já disse,
eu vou compondo os meus versos
para alegrar a velhice!

ÁUREA DE ARRUDA FERES - SP
Meu tempo agora é maior,
nesta velhice, onde passo
sem ter nada ao meu redor...
... Eu não pedi tanto espaço!...

CONCHITA MOUTINHO DE ALMEIDA - SP
Juventude, não te esqueças
das maravilhas deixadas
por tantas brancas cabeças
e tantas mãos enrugadas!

DIAS MONTEIRO - Taubaté/SP
Se a velhice vem chegando,
vemos que ela, sem clemência,
é uma vela se queimando
no castiçal da existência!

DIMAS LOPES DE ALMEIDA - Carvalhos/Portugal
Não há velhice na gente
que, sendo idosa, ainda ama:
às vezes a cinza quente
tem mais calor do que a chama.

EUGÊNIA MARIA RODRIGUES - Rio Novo/MG
Chega a velhice, e, ao chegar,
não vejo, da vida, o fim
se em versos posso exaltar
o jovem que existe em mim!

LUIZ RABELO - Natal  (duas trovas)
Velhice... Sombra... Neblinas...
E a certeza deste fado:
- que a vida é um dobrar de esquinas
pelas ruas do passado...

Velhice - ninho vazio
de um pássaro que voou.
Um leito seco de rio
onde nem lama ficou...

MAURO MACEDO COIMBRA - Juiz de Fora
Garimpando fantasias,
nas minas do verbo amar...
nem senti nos tenros dias,
minha velhice chegar!...

SILVINA ANTUNES LEAL - Santos
Sonho sim... Sonhos pequenos,
ao feitio do meu jeito...
Que a velhice, pelo menos,
não me nega esse direito...

05 MENÇÕES HONROSAS (por ordem alfabética)

CIDOCA DA SILVA VELHO - São Luiz do Paraitinga/SP
Uma velhice bem-vinda,
de virtudes enfeitada,
lembra a tarde calma e linda
com fulgores de alvorada!

EUGÊNIA MARIA RODRIGUES
Na velhice hei de viver
uma alegria tamanha,
pois não sinto envelhecer
o sonho que me acompanha!

DOMITILLA BORGES BELTRAME - SP
Há pouco vivi auroras...
Já antevejo o anoitecer...
É o tempo rolando as horas
na esteira do envelhecer!...

GÉRSON CESAR SOUZA - Porto Alegre
Vencer cada sobressalto
sem desistir da corrida:
velhice é o ponto mais alto
do pódio chamado vida.

HELOÍSA ZANCONATO PINTO - Juiz de Fora
Moço, a velhice é vitória!...
Por isso, busque a lição
que existe dentro da história
das rugas de um ancião!

08 MENÇÕES ESPECIAIS (por ordem alfabética)

ADÉLIA VICTÓRIA FERREIRA - SP
Se a velhice tem direito
de, ao sonho e às forças, dar fim,
por que não mata, em meu peito,
o jovem que existe em mim?...

CÁRMEN OTTAIANO - SP
Entardece em minha face
que o sol marcou ao passar...
e a primeira estrela nasce
sentindo a noite chegar...

DIMAS LOPES DE ALMEIDA
Na velhice ou decadência
não há nada mais atroz
que ver nossa própria ausência
e ter saudade de nós.

ERCY MARIA MARQUES DE FARIA - Bauru/SP
Vovô, tal qual foste outrora,
das atenções tu és centro:
- Tens a velhice por fora,
mas és criança por dentro!

EUGÊNIO CARVALHO JÚNIOR - João Pessoa
Na velhice o sonho é findo
e a gente vê, lamentando,
as esperanças partindo
e os desenganos chegando!

HELVÉCIO BARROS - Bauru
Velhice, tarde da idade,
quando tudo já nos cansa...
- Velada luz da saudade
no horizonte da esperança...

JOÃO ELIAS DOS SANTOS - SP
Feitos por Deus os caminhos,
na velhice põe arranjos
que,não tendo anjos velhinhos,
todos velhinhos são anjos!

THEREZINHA DIEGUEZ BRISOLLA - SP
Morre o velhinho... tranquilo...
A velhice não resiste
à solidão de um asilo,
onde a tristeza... é mais triste!
..................................................................

ÂMBITO ESTADUAL - TEMA: "MOCIDADE"
(10 VENCEDORES, por ordem alfabética)

ALBERTINA MOREIRA PEDRO - RJ
Ao ver meu rosto cansado,
pergunto, já sem vaidade,
em que espelho do passado
deixei minha mocidade...

ALCY RIBEIRO SOUTO MAIOR - RJ
Tenho, ao lembrar o passado
e os sonhos da mocidade,
meu coração debruçado
na janela da saudade.

ALMERINDA LIPORAGE - RJ
No teu beijo, terno e doce,
sem o ardor da mocidade,
eu sinto como se fosse
beijada pela saudade...

EDMAR JAPIASSÚ MAIA - RJ
Febril o tempo me assalta
e a idade não me intimida...
- Se a mocidade me falta,
não me falta amor à vida!

JOÃO FREIRE FILHO - RJ
Sou feliz, na meia-idade,
revivendo, persistente,
os sonhos da mocidade
nos sonhos do meu presente!

JÚLIA LEAL MIRANDA - Nova Friburgo
Mocidade foi quimera...
E hoje o tempo, com desgosto,
mostra a sombra do que eu era
quando o espelho vê meu rosto!

LAVÍNIO GOMES DE ALMEIDA - Barra do Piraí  (duas trovas)
Vai findar-se a mocidade!
Com ela, os sonhos se vão...
Fico noivo da Saudade
e viúvo da Ilusão!

Da mocidade esquecendo,
na velhice que já flui,
sem querer eu vou querendo
dizer adeus ao que fui...

LINDA BRANDÃO DIAS - Nova Friburgo
Se a dor do tempo é um açoite
que avilta, fere e envelhece,
planta um sonho em tua noite,
que a mocidade amanhece...

SÉRGIO BERNARDO - Nova Friburgo
Voltei, chorando, ao jardim
tão nosso, na mocidade...
E a fonte, vendo-me assim,
também chorou de saudade!...

05 MENÇÕES HONROSAS (por ordem alfabética)

ALBERTINA MOREIRA PEDRO
Disseste que a mocidade
no meu rosto já fenece...
Quem dera que essa verdade
não fosses tu, quem dissesse!

ELÍADE MONT'ALVERNE - RJ
Na lucidez que ainda resta,
vejo bem claro, a amargr,
que a mocidade é uma festa
onde já não posso entrar.

JOÃO FREIRE FILHO
Meus sonhos da mocidade
não morreram... Simplesmente
transformaram-se em saudade,
dando vida ao meu presente!

JÚLIA LEALMIRANDA
Alvas cãs... olhar vermelho...
quantas rugas nesta idade...
Desconfio que este espelho
se esqueceu da mocidade!...

OCTÁVIO BABO FILHO - RJ
Ó mocidade de outrora!
- Quem dera tê-la presente,
dando ao efêmero agora
a força do eternamente...

07 MENÇÕES ESPECIAIS (por ordem alfabética)

ADACY DE O. NETTO VALLADÃO - Barra do Piraí
Recordemos, sem tristeza,
a mocidade perdida:
há sempre nova beleza
em cada está gio da vida.

ALCY RIBEIRO SOUTO MAIOR
Eu velho? Quem foi que disse?
Não creia nessa inverdade!
- Como pode ter velhice
quem não teve mocidade?

EDSON ALVES DE SOUZA - Mendes
Debruçando-se à janela,
no peitoril da saudade,
é bem mais viva a aquarela
na tela da mocidade!

ELÍADE MONT'ALVERNE
Lá se foi a mocidade...
- o tempo não se detém -
e hoje acorrento a saudade
pra que não fuja também.

LEILA FERNANDA - Barra do Piraí
Se, frente ao vício e à maldade,
tua escolha for malsã,
matarás, na mocidade,
os sonhos bons de amanhã!

LUCIMAR DA SILVA PACHECO - Barra do Piraí
Mocidade, doce emblema,
bem que se sonhou demais...
Trecho belo do poema
que a vida não cnata mais!

MARISOL - Teresópolis
Quem, ante a ilusão perdida,
com versos de amor se acalma,
não conta os anos de vida:
traz a mocidade na alma!

.................................................................

ÂMBITO MUNICIPAL - TEMA: "INFÂNCIA"
(10 VENCEDORES, por ordem alfabética)

ADACY DE O. NETTO VALLADÃO
Embalando o coração
com tanto amor e inocência,
Infância - linda canção
no festival da existência.

ELIETTE PIMENTA RAMOS
Infância... Dias risonhos
que ficaram no passado...
Agora... um mundo de sonhos
que sempre sonho acordado...

JACY DE MAGALHÃES
Nos braços de um anjo eu via
a minha infância passar.
E passou... mas não sabia
que jamais ia voltar.

JOSANE DE ALMEIDA TEIXEIRA
Quem teve infância sofrida,
no rosto irá conservar
as cicatrizes que a vida
jamais consegue apagar!

LAVÍNIO GOMES DE ALMEIDA
Pobre menino vadio,
triste pária pequenino,
és um grande desafio,
sem infância... sem destino...

LÉA DE PAULA
Infância, degraus primeiros
da escada longa da vida...
Só exemplo e amor certeiros
dão equilíbrio à subida!

LEILA FERNANDA
Cuidai dos pequenos já,
com amor puro e profundo,
porque, na infância, é que está
todo o futuro do mundo!

LUCIMAR DA SILVA PACHECO
Tive infância... tive sonhos...
e, em meu viver singular,
não cri nos tempos tistonhos
que a velhice ia ostentar!

MARIA BEATRIZ DAMATO GUEDES
Eu trago em mim cicatrizes
e no peito grande dor,
pelos dias infelizes
de uma infância sem amor...

SUELI DA SILVA RAPOSO
Deixa a infância retornar!
Relaxa, respira fundo!
Vem, amor, recomeçar
a maior paixão do mundo!
-------------------------------------------------
NOTA = esse material foi uma gentil contribuição do "Magnífico Trovador" IZO GOLDMAN, da UBT São Paulo/SP
========================================