VIII CONCURSO NAC. DE TROVAS DE BARRA DO PIRAÍ (RJ) – 1997
(relações por ordem alfabética, dentro de cada segmento)

 

ÂMBITO NACIONAL Tema: OFENSA (L/F)

VENCEDORES

Sem vitupérios e afrontas,
cerra às ofensas teus lábios,
que, em muito acerto de contas,
vence o silêncio dos sábios!!!
Darly O. Barros (São Paulo/SP)

Acalme a ira em seu sangue
e as injustiças suporte,
pois a ofensa é um bumerangue
que sempre volta mais forte!
Eduardo Toledo (Pouso Alegre/MG)

A ofensa mais dolorida,
que à humilhação se compara,
é quando a mão estendida
leva uma “porta na cara”!
Heloísa Zanconato Pinto (Juiz de Fora/MG)

Procura a palavra certa!
Espera!... Analisa!... Pensa!...
Que nada mais se conserta
depois da primeira ofensa!...
Heribaldo Gerbasi (São Paulo/SP)

Pela ofensa que machuca,
por mais que me queime e doa,
se meu sangue diz “retruca!”,
a minha alma diz “perdoa”...
Héron Patrício (São Paulo/SP)

Ofensa dói, reconheço;
mas a tua indiferença
ao amor que eu te ofereço...
Dói muito mais que uma ofensa!
José Tavares de Lima (Juiz de Fora/MG)

A tua ofensa me assusta
e, desta vez, digo “não!”
Quem ama sabe o que custa
ter que negar o perdão!
Marina Bruna (São Paulo/SP)

Esqueçamos as ofensas
sem mágoas, sem dissabor,
que as pequenas desavenças
são próprias de um grande amor.
Orlando Brito (São Luís/MA)

Se a uma ofensa tu perdoas
sem rancor, mantendo a calma,
és dessas raras pessoas
que trazem Deus dentro da alma...
Silvina Antunes Leal (Santos/SP)

MENÇÕES HONROSAS

Ser seu amigo é um valor
que para mim não compensa;
para quem deseja o amor,
a amizade é quase ofensa!
Arlindo Tadeu Hagen (Juiz de Fora/MG)

Ofendo... Tu me magoas,
mas por força da paixão,
eu bem sei que me perdoas
sem que eu te peça perdão!
Cézar Augusto Defilippo (Juiz de Fora/MG)

Faze o bem por tua crença,
esquece uma ingratidão...
Tem seis letras uma ofensa,
tem outras seis o perdão!
Francisco Luzia Netto (Amparo/SP)

Tu partiste e é tão intensa
esta dor dentro de mim,
que chega a ser uma ofensa
saudade doer assim!...
Izo Goldman (São Paulo/SP)

Pelas ofensas trocadas,
nosso amor tomou a forma
de vidas tão separadas,
que até Deus não se conforma!
Izo Goldman (São Paulo/SP)

Sublimando a indiferença
nos teus desdéns e ironias,
eu revidei tua ofensa
sorrindo do que sorrias.
Jandira Grillo (Amparo/SP)

Não queiras, na desavença,
ofender quem te ofendeu,
pois quem revida uma ofensa
merece a que recebeu!
José Tavares de Lima (Juiz de Fora/MG)

Perdoei a tua ofensa,
sem rancor, de alma tranquila.
Se o teu ódio a fez imensa,
o meu perdão a aniquila...
Silvina Antunes Leal (Santos/SP)

Dizendo ofensas, me feres...
E, pagando a quem te abraça,
procuras noutras mulheres
o amor que eu te dei... de graça!
Therezinha Dieguez Brisolla (São Paulo/SP)

MENÇÕES ESPECIAIS

Que todo o remorso vença
a quem sentir-se culpado:
Quem joga o jogo da ofensa
sempre joga o jogo errado!
Eugênia Maria Rodrigues (Rio Novo/MG)

A mais grave das ofensas
quase sempre tem raízes
quando dizes o que pensas
ou não pensas no que dizes.
Izo Goldman (São Paulo/SP)

São as ofensas trocadas
nos momentos de rancor
as setas envenenadas
que, aos poucos, matam o amor!
Maria Dolores Paixão Lopes (Belo Horizonte/MG)

O desapego tranquilo
de teu sereno: “Acabou”
é uma ofensa a tudo aquilo
que este amor representou.
Maria Helena Calazans Machado Duarte (São Paulo/SP)

Tem amor a vida cheia
quem, prezando os bons valores,
grava as ofensas na areia,
porém na pedra os favores!
Pedro Ornellas (São Paulo/SP)

O acerto, sim, amedronta!
Mas creio que estamos quites:
Eu tenho ofensas sem conta...
Deus tem perdão sem limites!
Pedro Ornellas (São Paulo/SP)

Tu não terás de meus lábios
trocas de ofensas, jamais!
o silêncio dos sábios
e, assim, eu te firo mais...
Thereza Costa Val (Belo Horizonte/MG)

Conta até cem... para... pensa...
Resolve em paz este impasse...
Nunca se enterra uma ofensa:
- Volta e meia ela renasce...
Wilma Mello Cavalheiro (Pelotas/RS)

---------------------------------------------------------------

ÂMBITO ESTADUAL (RJ)

Tema: REVIDE (L/F)

VENCEDORES

Não dou revide ao teu gesto,
por esta simples razão:
- Pesa bem mais que o protesto
a leveza do perdão!
Antônio Carlos Teixeira Pinto (Niterói)

Quem pelas costas me agride
não terá duras respostas,
pois meu único revide
é de novo dar-lhe as costas!
Antônio Carlos Teixeira Pinto (Niterói)

Uma só palavra errada,
num revide, imcompreendida
bem pode – num quase nada –
destruir toda uma vida!...
Carlinda Lamego (Rio de Janeiro)

Não devolvas as pedradas,
que o revide é consequência
de consciências pesadas
dos que não têm consciência...
Edmar Japiassu Maia (Rio de Janeiro)

Se o grito como agressão é prenúncio de um conflito, como um revide, o perdão silencia a voz do grito. Elíade Mont'Alverne (Rio de Janeiro)

Quem erra e não se desculpa,
num erro em que sempre incide,
se esconde atrás de uma culpa,
mas, à frente de um REVIDE!...
Hermoclydes Siqueira Franco (Rio de Janeiro)

Por não querer ver perdido
o Bem que em meu rumo traço,
eu me revolto e revido
contra o próprio mal que eu faço!
Maria Machado de Araújo (Rio de Janeiro)

Não revide ante um tropeço,
nem chore esperanças mortas...
- Há sempre um novo começo
e Deus nos abre outras portas.
Marisol (Teresópolis)

Ao revidar, não espere
superar as desavenças,
que o revide, às vezes, fere
muito mais do que as ofensas!...
Rodolpho Abbud (Nova Friburgo)

Junto ao leito que foi nosso,
teu retrato diz, na essência,
que eu revido como posso
o insulto da tua ausência!
Sérgio Bernardo (Nova Friburgo)

A atitude em hora tensa,
na temperança reside.
Superar a dor da ofensa
é mais nobre que o revide.
Therezinha Zanoni Ferreira (Rio de Janeiro)

MENÇÕES HONROSAS

Quando a insensatez preside
os ditames da razão,
sempre a vingança e o revide
se sobrepõem ao perdão!
Albertina Moreira Pedro (Rio de Janeiro)

Não se é covarde calando
ante a ofensa que amargura!
Às vezes, não revidando,
é que se mostra bravura!
Almerinda Liporage (Rio de Janeiro)

Quanto mais forte me agrides,
menos dói qualquer ofensa.
E o pior dos meus revides
será sempre a indiferença.
Almerinda Liporage (Rio de Janeiro)

Brigas, mágoas do passado...
- Se fui culpada, não sei..
- Só sei que pago dobrado
os revides que te dei!...
Clenir Neves Ribeiro (Nova Friburgo)

Perdoa... e tenta olvidar
todo mal que te for feito!
- O revide vai cravar
muito mais dor... no teu peito!
João Freire Filho (Rio de Janeiro)

Num mundo tão insensato
de ódios, revides, malfeitos,
só é vencedor de fato
quem vence os próprios defeitos!
Lourdes Regina Gutbrod (Rio de Janeiro)

Não revide seus queixumes
com tanto ardor,
porque explosões de ciúmes
são, também, provas de amor.
Ney Damasceno (Rio de Janeiro)

Relega ao esquecimento
, sem motivos, te agride,
que o desprezo é mais cruento
que o mais brutal revide.
Ney Damasceno (Rio de Janeiro)

As pontadas com que a vida
a todos fere e angustia
- o homem sereno as revida
com a ponta... da ironia.
Waldir Neves (Rio de Janeiro)

MENÇÕES ESPECIAIS

Depois de uma longa pausa,
nosso amor rasga o seu texto...
- Teu revide foi a
e o meu orgulho, o pretexto...
Ribeiro Souto Maior (Rio de Janeiro)

Com o desprezo me destróis...
- Num revide às tuas fugas,
não há rugas nos lençóis,
e em meu rosto há tantas rugas!
Edmar Japiassu Maia (Rio de Janeiro)

Num revide ao meu deboche,
hoje o desprezo me anula
e faz de mim um fantoche
que o teu amor manipula...
Edmar Japiassu Maia (Rio de Janeiro)

Não defende a natureza
seus bens, quando o insano a agride,
mas vai minando-lhe a mesa,
em lento e fatal revide!
J. Stavola Porto (Niterói)

Deixei-a... foi crueldade...
E a dor desse amor desfeito
é revide da saudade
a remoer em meu peito.
J. Stavola Porto (Niterói)

Senhor! Que eu jamais revide,
por mais cruel a agressão...
e que aquele que me agride...
descubra em mim... um irmão!
João Freire Filho (Rio de Janeiro)

O homem bom e comedido jamais se aborrece à toa: - Mesmo até sendo ofendido, nunca revida... perdoa! José Maria Machado de Araújo (Rio de Janeiro)

O teu desprezo me agride,
mas o teu olhar aceso
sugerindo que eu revide
me agride mais que o desprezo...
Maria Nascimento Santos Carvalho (Rio de Janeiro)

Em nosso lar, briga é rara,
e o segredo eu conto aqui:
- Se um dos dois amarra a cara,
o outro, em revide, sorri...
Waldir Neves (Rio de Janeiro)

------------------------------------------------------------

ÂMBITO MUNICIPAL (BARRA DO PIRAÍ) Tema: PERDÃO

VENCEDORES

Seja em qualquer circunstância:
Conflitos, separações...
O perdão vence a distância
que separa os corações.
Adacy de Oliveira Netto Valladão

O meu perdão vou te dar,
não sou cruel como pensas...
É divino perdoar
sem revidar as ofensas.
Adacy de Oliveira Netto Valladão

Fugas... ausências... revoltas...
Eu nunca tenho razão!
E ainda quando tu voltas
sou eu quem pede perdão...
Eliette Pimenta Ramos

Se existe amor que consagre
quem tenha um erro a vencer,
quero sentir o milagre
de ver o perdão nascer!
Josane de Almeida Taveira

É nosso amor, nos desníveis
da tristeza e da paixão,
clone de angústias terríveis
entre minha alma e o perdão!
Lavínio Gomes de Almeida

Vaguei... vaguei... num deserto
a sorver orgulho a dor.
Cego, não vi que, bem perto,
perdão é oásis de amor!
Luís Cláudio Costa Freitas

Não fosse o grande egoísmo
que invade teu coração,
não haveria esse abismo
do nosso amor... ao perdão...
Maria Aparecida Medeiros Tavares

Ainda que estremecida
neste amor que me enternece,
tens minha mão estendida
com o perdão que te aquece.
Margarida Marques

Esquece um pouco a revolta,
vai a Deus numa oração,
apaga o ódio e, na volta,
acende a luz do perdão!
Margarida Marques

MENÇÕES HONROSAS

Ouço dizer os mais sábios
aos que os agridem: perdão!
Que vale o sim de meus lábios
se o coração diz que não?!
Dalmir Penna

Num carrossel de
transformaste nossas vidas,
perdão pelas frustrações
e promessas não cumpridas.
Dalmir Penna

Perdoa... mas sem rancor!
Guarda no teu coração:
só a pureza do amor
é que dá força ao perdão...
Eliette Pimenta Ramos

Quando me pedes perdão,
com olhar triste, ferido,
não dou ouvido à razão
e te perdoo, querido...
Eliette Pimenta Ramos

Vai minha alma acrisolada
pelo que a fazes passar,
pois continuas zangada
depois de me perdoar.
Fábio Henrique Oliveira Cabral

Perdoa se te deixei pelo mundo lá de fora... Nesta vida não achei a paz que procuro agora! Josane de Almeida Taveira

Nesta angústia que me invade
me agarro à doce ilusão:
ver tua “luz” na saudade
e então pedir-te perdão...
Josane de Almeida Taveira

Quanto tempo andei perdido
entre o ódio e a solidão,
sem ver que o amor ferido
é curado com perdão!
Luís Cláudio Costa Freitas

Por mais que me fira e doa
a verdade eu sempre quis:
se muito ama quem perdoa,
perdoando sou feliz.
Margarida Marques

Não guarde mágoa que cega,
toda ofensa tem perdão...
Vive feliz quem carrega
muito amor no coração!
Maria Estela Pinto de Oliveira

Ternura é mão estendida
oferecendo perdão...
Vê como é bela esta vida,
quando há paz no coração!
Maria Estela Pinto de Oliveira

Quero um gesto de ternura,
ânsia de um toque de mão.
Não suporto esta tortura
de viver sem teu perdão!
Maria Estela Pinto de Oliveira

Porque sei amar na vida...
porque sei sentir alguém...
esqueço a mágoa sofrida
e perdoo teu desdém...
Maria Ester de Figueiredo Alves

Palavra já sem sentido
gasta, às vezes, sem razão,
um eco em mim repetido
na busca do teu perdão!
Vilma Isabel de Oliveira Borba

MENÇÕES ESPECIAIS

Se grande culpa me cabe,
já sofri uma punição.
Resta-me, agora, quem sabe
merecer o teu perdão!
Adacy de Oliveira Netto Valladão

Negro de punho cerrado
é tempo de escravidão.
Das amarras do passado,
oh, negro, dai-me o perdão!
Adriana da Conceição Jorge

Volta, querido, preciso
que venhas me dar perdão.
Vem enxugar com teu riso
lágrimas de um coração!
Anita Alves de Oliveira

Com Cristo quero aprender
a paz que vem do perdão.
Quero a todos compreender
e oferecer proteção.
Celene Medeiros Iunes

Perdão, palavra sublime,
de tão fácil expressão,
mas que nem sempre ela exprime
o que vai no coração.
Dalmir Penna

Lindo é saber perdoar
àquele que nos magoa,
é somente o ato de amar
quem nos redime e abençoa!
Graciema Penna Miguel

Seguindo a luz do destino,
plantaste fé e esperança.
Recebes perdão divino
por deixar mais essa herança!
Ilca Maria João

Pensei te pedir perdão,
mas eu sei que fui culpada.
É minha condenação
e não te peço mais nada!
Jacyra Garcia de Oliveira

Entre perdas e fracassos,
em um minuto sequer,
perdoo mesmo os abraços
que deste em outra mulher!
Jussara de Almeida Taveira

Traí no amor... e, depois,
nenhum de nós teve vez...
E o perdão, que era de dois,
foi dividido por três.
Lavínio Gomes de Almeida

Tal qual ave amedrontada,
bates as asas e voas...
e segues desconfiada,
mesmo quando me perdoas!...
Lavínio Gomes de Almeida

É no furor das tensões,
que o ódio se aninha na alma,
mas perdão nos corações
traz paz, sutileza, calma...
Léa de Paula

Se me pedisse perdão,
de certo perdoaria...
Devolver-lhe o coração...
eu sinto... mas não daria!...
Maria Aparecida Medeiros Tavares

No embalo de uma paixão,
fui-me deixando levar.
Sei não merecer perdão,
mas não posso recuar. Sueli da Silva Raposo

=======================================================
NOTA: Crédito deste material ao Prof. Pedro Mello, da UBT São Paulo