X  CONCURSO DE TROVAS DE BARRA DO PIRAÍ – 1999
(todas as classificações por ordem alfabética)
 
ÂMBITO NACIONAL – TEMA:  “FANTASIA”
 
VENCEDORES

A esperar-te, entre agonias,
no silêncio do meu quarto,
confortam-me as fantasias
que com meu leito reparto!
ALMIRA GUARACY REBELO – BH
 
Não escondo a cicatriz
nem disfarço o meu desgosto,
fantasia de feliz
não combina com meu rosto!
ARLINDO TADEU HAGEN – Juiz de Fora
 
Deixei minhas fantasias
nas mãos do Destino ousado,
que vai vestindo os meus dias
de  acordo com seu agrado.
ERCY Mª MARQUES DE FARIA – Bauru
 
À espera dos teus regressos
e arraigada à fantasia,
beijo os teus lábios impressos
naquela taça vazia.
EUGÊNIA MARIA RODRIGUES – Rio Novo / MG
 
Por mais que uma realidade
seja plena de alegrias,
não chega aos pés da metade
da menor das fantasias!
 
No rol dos falsos amantes,
lograste a supremacia
e até o anel de brilhantes
que me deste... é fantasia!
HELOÍSA ZANCONATO PINTO– Juiz de Fora (duas)
 
A luz da noite ilumina
o olhar da menina aflita,
que fita a luz da vitrina
e fantasia o que fita!...
JOSÉ OUVERNEY – Jambeiro
 
Um Anjo, todos os dias,
de mãos ágeis, de mãos boas,
sai pintando fantasias
no coração das pessoas.
ORLANDO BRITO – São Luís / MA
 
Resto do sonho que um dia
não previu restos nem fim,
um resto de fantasia
sustenta um resto de mim!
PEDRO ORNELLAS – SP
 
Levada por fantasia
de um desejo inconsciente,
eu beijo na cama fria
as formas de um corpo ausente!
RITA MARCIANO MOURÃO – Ribeirão Preto
 
Se o fim do amor me angustia
e a solidão me amedronta,
eu me rendo à fantasia
e vivo do... “faz de conta”...
THEREZINHA DIEGUEZ BRISOLLA - SP

 
MENÇÕES   HONROSAS
 
Dentro da noite deserta,
quando meus versos componho,
fantasia é a dose certa
para o tempero do sonho!
ANTONIO JURACI SIQUEIRA – Belém
 
Não desdenhe as mãos vazias
que trabalham quase em vão,
que é nas suas fantasias
que se apóia esta nação!
ANTONIO DE OLIVEIRA – Rio Claro / SP
 
Por te amar tanto hoje em dia,
eu já não sei na verdade,
onde acaba a fantasia
e começa a realidade!
CAMPOS SALES – SP
 
Quando o amor vira saudade,
não há medida que meça
onde acaba a realidade
e a fantasia começa!
CAROLINA RAMOS – Santos
 
Na fantasia de um sonho
pode haver muita ansiedade
mas é sonhando que imponho
limites à realidade!
CYNIRA ANTUNES DE MOURA – Santos
 
Inspiração, sonho, rima,
fantasia e alma de esteta,
eis toda a matéria prima
com que se faz um Poeta!
HÉRON PATRÍCIO – SP
 
Se a tempestade me alcança
e o naufrágio se anuncia,
sigo o farol da esperança
nos mares da fantasia!
MARIA DOLORES PAIXÃO LOPES – BH
 
As pipas soltas ao vento,
numa tarde de alegria,
são sonhos buscando alento
na aragem da fantasia!
Mª EULÁLIA V. TEIXEIRA – Pouso Alegre
 
Meu mundo de fantasias
me faz viver mais feliz.
Finjo ouvir todos os dias
o que você não me diz.
VERA Mª DE LIMA BASTOS – Juiz de Fora
 
 
MENÇÕES   ESPECIAIS
 
Torna um sonho em realidade
e verás, com ironia,
que, por mais que ele te agrade,
foi mais bela a fantasia.
ADÉLIA VICTÓRIA FERREIRA  - SP
 
Entre beijos e confetes,
e o amor que durou um dia,
nós dois fomos marionetes
nas mãos de uma fantasia.
ALBA CHRISTINA CAMPOS NETTO – SP
 
Fugindo da nostalgia
de um céu nublado e tristonho,
nas asas da fantasia
vou perseguindo meu sonho!
ALOÍSIO ALVES DA COSTA – Fortaleza
 
Eu vivo da fantasia
de dizer que sou feliz.
Felicidade é magia,
é crer no que a gente diz!
DELCY R. CANALLES – Porto Alegre
 
Desconheço a solidão,
pois, quando a dor me angustia,
vou, pela imaginação,
ao “Reino da Fantasia”!
FRANCISCO DE ASSIS MENEZES – Porangatu
 
Sou peão... não me envergonho
da luta do dia a dia
e vou tangendo o meu sonho
nos prados da fantasia...
MARINA BRUNA – SP
 
O espelho de nossa mente
na fantasia é ousado;
reflete em nosso presente
tudo o que já foi passado.
MAURO MACEDO COIMBRA – Juiz de Fora
 
Mede teus passos, vigia
a ilusão de liberdade;
quem anda na fantasia
tropeça na realidade.
NEWRTON MEYER AZEVEDO – Pouso Alegre
 
Na infância, a minha alegria
não ia além do quintal;
mas cresci... e a fantasia
dança ainda no varal!
ZAÉ JUNIOR - SP
 
------------------------------------------------------------------
 
ÂMBITO ESTADUAL – TEMA:  “DEVANEIO’
 
VENCEDORES
 
Apagada a mocidade...
no carvão encontro meios
de entre as cinzas da saudade
acender meus devaneios!...
ADELIR MACHADO – Niterói
 
Ante a insistência das rugas
em provar que envelheci,
meus devaneios são fugas
para o encanto que eu perdi.
ALMERINDA LIPORAGE – RIO
 
Corre a chuva na vidraça...
Envolto em meu devaneio,
eu juro que a chuva traça
os traços de quem não veio!
ANTONIO CARLOS T. PINTO – Brasília
 
Na velhice, sem receios,
sonhos novos não persigo...
Guardo idosos devaneios
que envelheceram comigo!
EDMAR JAPIASSÚ MAIA – RIO
 
Quem se perde em devaneios,
não vê que o tempo, ao passar,
vai girando e, em seus volteios,
não volta ao mesmo lugar!...
HERMOCLYDES SIQUEIRA FRANCO – RIO
 
Nunca estive em teus anseios,
sou plebeu, tu és rainha...
No entanto, em meus devaneios
muitas vezes foste minha!...
JOSÉ MARIA MACHADO DE ARAÚJO – RIO
 
A distância achando meios
para unir nossos metades,
somou nossos devaneios
e dividiu as saudades...
MARIA NASCIMENTO S. CARVALHO – RIO
 
Feliz de quem, sem receio,
aprende a grande lição:
dar asas ao devaneio
sem tirar os pés do chão...
NYSA MAGGESSI T. FARRIÁ – Barra do Piraí
 
Ao encontro ela não veio,
mas a saudade me embala
e faz, do meu devaneio,
outra forma de encontrá-la!...
RODOLPHO ABBUD – Nova Friburgo
 
 
MENÇÕES   HONROSAS
 
É bom sonhar sem receios
mas perigoso é ficar
mergulhado em devaneios,
sem ver a vida passar.
ADACY DE O. NETTO VALLADÃO – Barra do Piraí
 
Desta dor que te acorrenta,
busca fugir, sem receio;
ditoso é aquele que inventa
o seu próprio devaneio.
ADILSON S. MAIA – Niterói
 
Com tanta mágoa, suponho,
é triste o meu devaneio...
- Por melhor que seja o sonho,
eu sempre acordo no meio!...
CLENIR NEVES RIBEIRO – Nova Friburgo
 
Devaneios são estradas
onde eu sempre vou sozinho
vendo as marcas das pegadas
que deixaste no caminho.
DALMIR PENNA – Barra do Piraí
 
Em minha alma, só e triste,
a saudade que conforta,
em devaneios insiste,
quer entrar e eu abro a porta...
J. STAVOLA PORTO – Niterói
 
O Poeta, em devaneio,
deita luz ao seu redor...
e cria um mundo de enleio,
sonhando um mundo melhor!...
JOÃO FREIRE FILHO – RIO
 
Esqueço o orgulho, o juízo,
se vens assim, sem rodeios,
e antevendo o paraíso,
eu me perco em devaneios!...
LOURDES REGINA GUTBROD – RIO
 
Por dar forma aos meus anseios,
na fuga ao mundo enfadonho,
chego a crer que os devaneios
são as verdades do sonho.
SÉRGIO BERNARDO – Nova Friburgo
 
Frustrada, a estrela cadente
confessa ao cantor da rua:
- creio que sou, simplesmente,
um devaneio da Lua...
WALDIR NEVES - RIO
 
 
MENÇÕES   ESPECIAIS

A igreja, o vestido, a festa,
lembro em doces devaneios,
na camisola inda resta
muito amor, nos entremeios.
ALBA HELENA CORRÊA – Niterói
 
Quem fez da vida um torneio
pensando tudo vencer,
deu-se tanto ao devaneio
que se esqueceu de viver!
ALBERTINA MOREIRA PEDRO – RIO
 
Quando os corpos se confundem,
no mais quente dos enleios,
nem sempre as almas se fundem
comungando devaneios.
HÉLEN NOVAIS FÉLIX – Niterói
 
Em meu solitário peito
o devaneio fez ninho,
para me dar o direito
de ser feliz um pouquinho.
EDUARDO SIMÕES BRITES – RIO
 
Para fugir da verdade
da tua ausência sentida,
tento enganar a saudade
nos devaneios da vida!
JOSÉ LUIZ LEMOS – Barra do Piraí
 
A vida tem devaneios
e, também, contradição:
- dá banquete aos teus anseios,
e, à minha fome... nem pão!
LAVÍNIO GOMES DE ALMEIDA – Barra do Piraí
 
Filho, lute por seus planos,
não se entregue aos devaneios.
Use os muitos desenganos
como lenha, ou como esteio.
LUIS CLÁUDIO COSTA FREITAS – Barra do Piraí
 
O poeta em sua lida,
ainda que o mundo o afronte,
nos devaneios da vida
vai muito além do horizonte...
MILTON NUNES LOUREIRO – Niterói
 
O poeta solitário
entregue aos seu devaneio,
nesse vôo libertário
também sonha o sonho alheio.
WALMA DA COSTA BARROS - Niterói