XIII Concurso Internacional de Trovas “Cidade de Belo Horizonte” - Ano 2001

Temas: Cautela ( Nacional/ Internacional )
Temor (Estadual )
Receio ( Municipal )

Tema Cautela

VENCEDORES

Se o nosso amor foi novela,
confesso o bem que me fez:
trocar a minha cautela
pela tua insensatez...
Alba Cristina Campos Neto - São Paulo

No morro, quanta criança
vive feliz, sem cautela;
Deus também planta esperança
na miséria da favela.
Elen de Novais Félix - Niterói

Quanto mais cresce a ambição
sem cautela, em mãos de ateus,
mais vejo o mundo sem pão
e a humanidade sem Deus.
Elen de Novais Félix

Quando à cautela me abraço,
já me afasto do revés
porque jamais dou um passo
sem ver onde ponho os pés!
José Maria Machado de Araújo

Calar, às vezes, revela
prudência que silencia...
Mas deixa de ser cautela
se o silêncio é covardia!
Sebas Sundfeld

MENÇÕES HONROSAS

Se a solidão diz -Cautela
que a saudade está sozinha...
Deus na treva acende a vela
e a esperança diz - Caminha!...
Adelir Machado - Niterói

Com cautela, sem conflito,
aprendo a lição do mar:
foi desejando o infinito
que eu aprendi a sonhar...
Djalda Winter Santos - Rio de Janeiro

Pelo excesso de cautela
ou pela falta de ardor,
a saudade hoje é cautela
da penhora de um amor...
Izo Goldman - São Paulo

Por gastar cautela a esmo
em cada escolha que fiz,
fui fazendo de mim mesmo
um cauteloso infeliz!
Sérgio Bernardo - Nova Friburgo

Ah! Coração, tem cautela
e deixa de brincadeira!
tens sonhos de Cinderela
e eu sou Gata Borralheira!
Therezinha Dieguez Brisolla - São Paulo

MENÇÕES ESPECIAIS

Nunca chame de medrosos
aqueles que evitam falhas;
só os homens cautelosos
vencem as grandes batalhas.
Amália Max - Ponta Grossa - PR

Por mais cautela que tenha
chega sempre a nostalgia
se a saudade em mim desenha
a tua fotografia...
Fernando Cruz - Rio de Janeiro

Ante a luta, se revela
muita falsa valentia
quando o excesso de cautela
só disfarça a covardia!
Marina Bruna - São Paulo

Esta cautela, querida,
que persiste entre nós dois,
dá mais vida à nossa vida
e mais crença no “depois” ...
Milton Nunes Loureiro - Niterói

Arrisco tudo por ela,
sem ligar a nada mais...
Na vida, amor e cautela
são inimigos mortais!
Sérgio Bernardo

Julgadores do tema Cautela:
Ana Ataíde Ferreira da Silva, Conceição Parreiras Abritta, Ivone
Taglialegna Prado, Lucy Sother de Alencar Rocha, Luiz Carlos Abritta,
Lígia Maria de Rezende, Maria Dolores Paixão Lopes, Relva do Egypto
Rezende Silveira, Thereza Costa Val, Wanda de Paula Mourthé, Zeni de
Barros Lana.
=========================================

TEMA: TEMOR (Estadual)
VENCEDORES

Pedi perdão... fiz barulho
para tentar te deter,
pois maior que o meu orgulho,
só o temor de te perder!...
Arlindo Tadeu Hagen - Juiz de Fora

O mundo vive, em segredo,
o temor que a guerra traz.
Frágeis estacas de medo
sustêm a casa da Paz!
Arlindo Tadeu Hagen - Juiz de Fora

Não temo o Mar traiçoeiro
e as ondas em desatino,
porque Deus é o timoneiro
do barco do meu destino!
Eduardo A.O. Toledo - Pouso Alegre

Da forca pende a laçada...
e o Mártir Inconfidente,
sem temor, transpõe a escada,
olhando a História de frente!
Newton Meyer Azevedo - Pouso Alegre

A mão Sagrada do Amor,
Ao tocar os nossos ombros,
quebra as garras do temor
e nos ergue dos escombros.
Roberto Resende Vilela - Pouso Alegre

Menções Honrosas

Sem temor à tempestade
sou qual barco peregrino
no mar da maturidade
rumo ao porto do destino.
Conchita Moutinho de Almeida - Poços de Caldas

A saudade, entre os segredos
e os temores da paixão,
toca, de manso, os seus dedos
nas cordas do coração!
Eduardo A.O Toledo

Outros temores domino,
só não domino o temor
de que me obrigue o destino
a viver sem teu amor!
José Tavares de Lima - Juiz de Fora

Toda vez que adeus lhe digo
um temor tolhe os meus passos,
porque sei que não consigo
viver longe dos teus braços!
José Tavares de Lima

Ao temor não dê guarida
que o medo a alma enfraquece...
Ante a crueza da vida
é a virtude que aparece!...
Leda Maria Bechara - Juiz de Fora

Menções Especiais

Nossa paz, quando perdida,
a gente tenta encontrar;
mas o temor desta vida
Já no-la impede de achar!
Benedito Camargo Madeira - Pouso Alegre

Contesta a própria verdade,
quem, negando os brios seus,
rende tributo à maldade...
e se diz “ temente a Deus”
Heloísa Zanconato Pinto - Juiz de Fora

Temor eu tenho de, um dia,
descobrir que não vivi
aventuras, fantasia,
somente porque as temi.
José Levy de Oliveira - Viçosa

Hoje, eu temo agir sem tréguas
para vencer a distância,
sem “Botas de Sete Léguas”,
que eu sonhava em minha infância!
Mauro Macedo Coimbra - Juiz de Fora

Apenas quem ama a vida
se eleva a Deus sem temor
e entende cada batida
de um coração sofredor!
Roberto Resende Vilela

Julgadores do tema Temor
Almerinda Liporage, RJ; Carolina Ramos, Santos, SP; Domitilla Borges
Beltrame, São Paulo; Edmar Japiassú Maia, RJ; Rodolpho Abbud, Nova
Friburgo, RJ.
=======================================

TEMA: RECEIO (Municipal)

VENCEDORES

Meu coração, com receio
de sofrer mais desenganos,
perde-se em vão devaneio,
sem ver o passar dos anos!
Almira Guaracy Rebêlo

Por entre as quedas da vida,
sem receio dos fracassos,
pelas mãos de Deus erguida,
eu reacerto os meus passos...
Ivone Taglialegna Prado

São teus braços sedutores
o abrigo, onde em devaneios,
“ressonam” meus dissabores
e “cochilam” meus receios.
Lucy Sother de Alencar Rocha

O receio que me alcança
ao ver o inverno chegar
é que, perdida a esperança,
eu já nem possa sonhar!...
Maria Dolores Paixão Lopes

Sem receios, destemida,
lutei, conquistei, perdi...
Agora, vejo que a vida
me deu mais do que pedi.
Thereza Costa Val

MENÇÕES HONROSAS

Não receio, de meu fado,
mais penas ou desventuras,
pois já tive, no passado,
o meu quinhão de amarguras!
Almira Guaracy Rebêlo

Se em teus braços eu me enlaço,
logo perco o meu domínio;
dos receios me desfaço
e me rendo ao teu fascínio.
Thereza Costa Val

Mesmo em caminhos tristonhos,
eu não receio os tropeços,
pois, no ciclo dos meus sonhos,
sempre há fins e recomeços.
Thereza Costa Val

Se, até mesmo com empenho,
tentarem nos separar,
esse receio não tenho:
somos um só... não um par!
Wanda de Paula Mourthé

Fujo em estrada penosa,
receando amor adverso,
mas a saudade teimosa
percorre o trajeto inverso.
Wanda de Paula Mourthé

Perder-te?! Nesse receio,
eu me anulei junto a ti
e, ao viver destino alheio,
a mim mesma me perdi!
Wanda de Paula Mourthé.

Receio que o meu passado
guarde o perfil da lembrança,
apagando, sem cuidado,
o esboço de uma esperança.
Zeni de Barros Lana

MENÇÕES ESPECIAIS

O meu receio é que a vida
me negue o amor com que sonho,
pois é sonhando, atrevida,
que meus anseios transponho!
Almira Guaracy Rebêlo

Quando o mal de amor rastreio,
em oculta cicatriz,
fico livre do receio,
corto a dor pela raiz!...
Lígia Maria de Rezende

Em cada nota eu receio,
na pauta que a vida escreve,
que transformem nosso enleio
numa simples semibreve.
Luiz Carlos Abritta

Se, por receio, o meu sonho
perde a magia ou a cor,
de novo, o torno risonho
por força do nosso amor!
Relva do Egypto Rezende Silveira

Receio os falsos anelos
que deixam, sempre, o vazio:
são quais sonhos paralelos,
margens opostas de um rio.
Relva do Egypto Rezende Silveira

Prossegue na mesma rota,
sem receios nem temores,
pois nunca teme a derrota
quem, na vida, espalha amores.
Zeni de Barros Lana

Julgadores do tema Receio:
Amália Max, Ponta Grossa, PR; Eduardo A.O.Toledo , Pouso Alegre, MG; João Freire Filho, RJ; Maria Reginato Labruciano, S