www.falandodetrova.com.br/caico2017t

RESULTADO - XVI CONCURSO DE TROVAS DO CTS E UBT CAICÓ-RN/2017

TEMA ESTADUAL: COSTUME (S)

 

 

1º LUGAR: Mara Melinni

Há, na vida, uma lembrança,

que, por costume, eu cultivo:

Fazer versos de esperança

sem precisar de um motivo...!

 

2º LUGAR: Manoel Cavalcante

Vulcão de calma e ciúme,

de guerra e paz, riso e pranto,

meu coração tem costume

de amar sem saber o tanto.

 

3º LUGAR: Fabiano Wanderley

Um homem de bom costume,

de bom senso e compreensão,

é aquele que sempre assume,

seu erro, à luz da razão.

 

4º LUGAR: Carlos Alberto

Desculpe e muito obrigado,

com licença, por favor,

são costumes do passado

que eu levo por onde for!

 

5º LUGAR: Francisco Gabriel

Não segue caminho errado,

quem teve infância decente...

Seus costumes do passado,

são sua luz no presente.

 

6º LUGAR: Isaac Jordão

Tantas agruras na vida...

Culpado? O costume insano

de dar amor sem medida

e receber desengano.

 

7º LUGAR: Ubiratan Queiroz

O bom costume, meu filho,

carregue-o contigo e vai...

Pois quem anda nesse trilho,

caminha reto e não cai.

 

8º LUGAR: Joamir Medeiros

Os versos que escrevo a esmo,

por costume ou por mania,

são fragmentos de mim mesmo,

no verde mar da poesia!...

 

9º LUGAR: Ieda Lima

A rosa, não se resume

aos talos, folhas, espinhos...

Quando se tem o costume

de perfumar os caminhos.

 

10º LUGAR: Prof. Maia

Palhaço que pinta o rosto,

faz por costume, eu suponho...

Maquiando algum desgosto,

para a encenação de um sonho.

 

11º LUGAR: Eva Garcia

Dos costumes que eu carrego,

entre tantos que me enlaço...

Perdi muitos, mas me entrego

ao calor do teu abraço!

 

12º lugar: Luiz Gonzaga

Segue sempre o bom costume

quem, na sua caminhada,

vai com honradez e assume

os tropeços da jornada.

 

13º LUGAR: Prof. Garcia

Eu guardo desde menino

velhos costumes morais...

Nenhum foi santo e divino

quanto a bênção de meus pais!

 

14º LUGAR: Magnus Kelly

Ante o costume danado

d’eu te querer tanto assim,

devia, sim, ser pecado

o teu desprezo por mim!

 

15º LUGAR: Hélio Pedro Souza

Folclore, danças e cantos,

passatempos de ano novo;

rezas, bentinhos, quebrantos

já são costumes do povo.

 

 

NOVO TROVADOR

 

1º LUGAR: Juvino de Araújo

Percebo que teu costume

de sair dos braços meus,

é para causar ciúme

com alguém nos braços teus!

 

2º LUGAR: Robson Renato Sales

Triste fim desse alpinista,

padeceu pelo costume...

Perdeu o medo da vista

e morreu antes do cume.

 ----------------------------------------------
 

RESULTADO DO XVI CONCURSO DE TROVAS DE CAICÓ/2017

  NACIONAL E INTERNACIONAL – TEMA: VOZ.

 

1º LUGAR: Arlindo Tadeu Hagen - MG

Sussurros à meia voz,

meia noite, à meia luz...

Quando o amor fala por nós

o quarto inteiro reluz!...

 

2º LUGAR: Wanda de Paula Mourthe - MG

Quando a lembrança me invade,

e de mim a dor se apossa,

ouço, na voz da saudade,

a canção que já foi nossa.

 

3º LUGAR: Ana Maria Guerrize – SP

Na solidão dos momentos,

onde eu penso muito mais...

Eu, escuto a voz dos ventos

e Deus, escuta os meus ais!

 

4º LUGAR: Maria Madalena Ferreira – RJ

Num conflito interior

se agita o meu coração,

entre ouvir a voz do Amor

e ouvir a voz da razão.

 

5º LUGAR: Licínio Antônio de Andrade – MG

Como é lindo o mar quebrando

em rendas brancas na areia

e a voz do vento cantando

nas ondas da maré cheia.

 

6º LUGAR: Gerson Silvestre – MG

Porque tem valor eterno,

guardarei, mãe, tua fala;

todo conselho materno

é voz que nunca se cala.

 

7º LUGAR: Vera Lúcia Gila Piedade – SE

A voz da mãe, embalando

seu filhinho junto ao peito,

fez que eu ficasse pensando

que o mundo ainda tem jeito.

 

8º LUGAR: João Costa – RJ

Ante a lembrança sofrida

dos sonhos da mocidade,

ouço o lamento da vida

na voz triste da saudade.

9º LUGAR: Ena Montechiari – PR

Teus versos belos e sábios

não me falas... ficas mudo,

mesmo sem vol nos teus lábios,

teus olhos me dizem tudo.

 

10º LUGAR: Terezinha Dieguez Brilolla – SP

Do Criador, com certeza,

é a essência que existe em nós

e é nos sons da natureza,

que ouvimos a Sua voz!

 

11º LUGAR: Dulcídio de Barros Moreira – MG

Na velha escola campestre,

no aconchego em seu regaço,

ainda escuto a voz do mestre

ecoando pelo espaço.

 

12º LUGAR: Edweine Loureiro – Saitama/ Japão

Perder é serenidade

paralisa a discussão:

a raiva trunca a verdade

e cala a voz da razão.

 

13º LUGAR: Antônio Colavite – SP

Mesmo na casa vazia,

por tua ausência entre nós,

eu ouço com alegria

os ecos da tua voz...

 

14º LUGAR: José Henrique da Costa – RJ

Um beijo, um adeus e após

pediu que eu, feliz seguisse...

Nunca esqueci sua voz,

mas esqueci do que disse.

 

15º - LUZIA BRISOLLA FUIM

Sua voz pausada e fria:

- Feche a porta, por favor,

Conduz-me à sala vazia...

Vazia do seu amor!

 

 

NOVOS TROVADORES: 

 

1º LUGAR: José El Jaick - Nova Friburgo/RJ

Você fala e não me fita,

hesita e diz não me amar.

Desafio que repita

com a voz do teu olhar!

 

2º LUGAR: Paulo Roberto de O. Caruso - Rio de Janeiro/RJ

Se mantemos o decoro,

o “eu” se doa pelo “nós”,

assim nasce o melhor coro,

parecendo uma só voz.

 

3º LUGAR: Eduardo Sussumo Smozono – Franca/SP

Se a sina nos separar

nos deixando em solidão,

eu sei que vou te encontrar

com a voz do coração.

 

4º LUGAR: Danusa Almeida – Campos dos Goytacazes/RJ

Minha voz e sempre ouvida,

quando faço as orações.

Sinto em toda a minha vida,

suas graças, com emoções!

 

5º LUGAR: José Manuel Veloso Galvão – São Paulo/SP

De uma voz tenho lembrança,

quando a voz ao mundo veio...

Veio a Voz, veio a esperança

de tornar meu mundo cheio...