II CONCURSO DE TROVAS “CASA DE PORTUGAL” / SP = 1993

TEMA: “NINHO” (classificações por ordem alfabética)

PARA TROVADORES DE PORTUGAL:

VENCEDORES

O meu lar é como um ninho
abrigando horas amenas
feitas de amor e carinho
e à mistura... algumas penas!
DOMINGOS FREIRE CARDOSO – Porto

Em cada ninho que faz,
o passarinho da serra
põe sempre um pouco de paz
e colorido na terra!...
EMÍLIA PENALBA DE A. ESTEVES – Porto

A Saudade fez o ninho
junto do meu coração.
Nasceu lá um passarinho
chamado... “Desilusão”...
MARIA JOSÉ ALVES P. DA SILVA - Paredes

-----------------------------------------------------

PARA TROVADORES DO EST. SÃO PAULO:

VENCEDORES

As minhas mãos acarinham,
nos seus tristes sonhos vãos,
a idéia de que se aninham
no ninho das tuas mãos.
ADÉLIA VICTÓRIA FERREIRA - SP

O sem teto e o passarinho
são parceiros na agonia;
um a sonhar com seu ninho,
o outro com a moradia!
ANTONIO VALENTIM RUFFATO – Bauru

Tropeiro de longa estrada
traz lembranças do caminho,
onde a saudade, malvada,
a galope faz seu ninho...
APARECIDO ELIAS PESCADOR – SP

Dos ninhos já se ouve o canto,
e, qual faceira artesã,
a neblina estende o manto
na varanda da manhã!
DOMITILLA BORGES BELTRAME – SP

Um conselho, com carinho,
para que não faças feio:
- Não construas o teu ninho
desfazendo o ninho alheio!
ERCY Mª MARQUES DE FARIA – Bauru

Quando a pedra do estilingue
tem por alvo um passarinho,
mais de uma vida se extingue
no desamparo de um ninho.
FRANCISCO LUZIA NETO – Amparo

Depois do amor terminado,
minha alma fica, afinal,
como ninho abandonado
ao sabor do vendaval.
MARIA REGINATO LABRUCIANO – SP

Constrói um ninho perfeito,
a mulher, ao transformar
seu ventre em macio leito,
para a vida despertar!...
MARILÚCIA REZENDE – SP

No céu, acolhendo as preces
dos amantes... dos tristonhos...
Lua cheia, tu pareces
dourado ninho de sonhos!
MARINA BRUNA - SP

No rude e agreste caminho
anseia as bênçãos do lar
quem cedo abandona o ninho,
dizendo: ‘Já sei voar!”

Um caçador no caminho,
um disparo...e, mais além,
três órfãos dentro de um ninho,
de fome, morrem também!
PEDRO ORNELLAS – SP (duas)

Envergonhado e sem jeito,
meu coração sonhador
conserta o ninho desfeito
enquanto espera outro amor!

Velho ninho abandonado
é o meu pobre coração,
que eu reconstruo, apressado,
quando surge uma ilusão!
THEREZINHA DIEGUEZ BRISOLLA – SP(duas)

Depois da chuva inclemente,
levando um pássaro morto,
o ninho, na água corrente
é nau fantasma e sem porto!
ZAÉ JUNIOR - SP

NOTA = CRÉDITO DA MATÉRIA À MAGNÍFICA TROVADORA THEREZINHA DIEGUEZ BRISOLLA, DA UBT SÃO PAULO. XZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZXZ