ALEXANDRE BARBOSA, mais conhecido como "Doca", nasceu em Campos do Jordão no dia 25 de março de 1945, filho de José Benedito Barbosa e Ana Francisca de Jesus. De origem humilde, autodidata, sempre se destacou por sua inteligência, tanto profissionalmente quanto no terreno da arte. Como compositor, pôs vários sambas-enredo na avenida, em Pindamonhangaba, onde constituiu família e reside. Também compositor de música sertaneja, arriscando-se ainda no terreno da Trova. Teve um trabalho humorístico premiado em Nova Friburgo. Primo em segundo grau dos também trovadores José e João Paulo Ouverney.

Comer pimenta é maneiro,

como-a inteira e até mastigo,                             (M.Especial Friburgo 2007)

mas nas idas ao banheiro,

vou te contar, meu amigo!



Terrível é a ingratidão:

machuca, fere, judia,

e arrebenta o coração

de quem te ajudou um dia.



Jamais irei te esquecer,

Mazaropi, meu amigo,

não canso de agradecer

ter trabalhado contigo!