PARA TROVADORES DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO = TEMA:  "VENTO"

VENCEDORES   (por ordem alfabética)

ALBERTINA MOREIRA PEDRO - RJ
Vento, que moves moinhos,
que dás força aos cataventos,
ao passares pelos ninhos,
modera os teus movimentos...

JOÃO FREIRE FILHO - RJ
Na tua ausência, a ansiedade,
quando anoitece, é um açoite:
é que os ventos da saudade
batem mais durante a noite...

JORGE MURAD - RJ
Cuidado que a vida é bela
mas, também, é traiçoeira.
O vento que apaga a vela
também atiça a fogueira...

LUNA FERNANDES - RJ
Tu gemes, vento, eu te entendo
pois somos bem parecidos...
Só que tu segues... gemendo!
E eu fico... com meus gemidos!

WALDIR NEVES - RJ
É a noite do teu regresso...
Ansioso porque demoras,
ao vento que passa eu peço
que apresse o passo das horas!...

MENÇÕES  HONROSAS:   (por ordem alfabética)

ALCY RIBEIRO SOUTO MAIOR - RJ
Janela fechando e abrindo,
batendo a todo momento,
parece estar aplaudindo
a dança infernal do vento!

ANA MEDEIROS M. NEUMANN - RJ
Mesmo num frágil veleiro
sem leme, sem nada mais,
quem tem Deus por timoneiro
nunca teme os vendavais...

CARLOS GUIMARÃES - RJ
Ao vê-la exposta, vaidosa,
às carícias das abelhas,
o vento desfolha a rosa
em reticências vermelhas...

CLENIR NEVES RIBEIRO - Nova Friburgo
O vento sopra tristonho,
na solidão que me invade...
- Transforma brisas de sonho
em vendavais de saudade...

EDMAR JAPIASSÚ MAIA - RJ
Se as nuvens do desalento
vêm turvar-me de saudade,
assumo a força do vento
e dissipo a tempestade...

LOURDES REGINA F. GUTBROD - RJ
Com teu ar de indiferença,
foste um vento em minha vida,
que entrou sem pedir licença
e saiu sem despedida!

LUIZ PIZZOTTI FRAZÃO - Niterói
Adágio antigo me acode
quando o bom senso escasseia:
- quem sabe o que o vento pode,
não planta casas na areia...

MARIA NASCIMENTO SANTOS - RJ
Quando o vento da bonança
sopra em minha direção,
eu chego ao céu da esperança
sem tirar meus pés do chão...

MARISOL - Teresópolis
A saudade me consome
e é tão grande o meu tormento,
que julgo escutar teu nome
trazido na voz do vento.

P. DE PETRUS - RJ
O vento, enfunando as velas
num roteiro de amizade,
ao trazer as caravelas,
trouxe até nós a saudade...

WALDIR NEVES - RJ
Tarde estival... sonolento,
me estiro à sombra, na esteira,
e espero que a mão do vento
abra o leque da palmeira!...

MENÇÕES  ESPECIAIS:   (por ordem alfabética)

ALCY RIBEIRO SOUTO MAIOR
Bates a porta ao chegar
e essa agressão não me importa.
- Eu prefiro acreditar
que o vento é que bate a porta.

ALMERINDA LIPORAGE - RJ
Teu beijo longo e sedento
faz tanta falta ao meu rosto,
que até no sopro do vento
eu chego a sentir seu gosto!

AMÉRICO F. FONTOURA - N
É na oficina do tempo
que o vento, ao passar dos anos,
nas rochas - por passatempo -
vai modelando seus planos...

CARLINDA LAMEGO - RJ
Prefiro o vento e a tormenta,
à inútil monotonia
de um viver que nada enfrenta,
numa eterna calmaria!

CARLOS GUIMARÃES - RJ
Boceja o dia e adormece...
a noite vem devagar...
e o vento, em forma de prece,
canta canções de ninar...

EDMAR JAPIASSÚ MAIA - RJ       (duas trovas)
Perdida no mar revolto
que o vento faz encrespar,
minha vida é um barco solto
que espera o vento acalmar!...

Por ter na fé, que me enleia,
o suporte do que sou,
firmei castelos na areia
e o vento não derrubou!...

ELÍADE MONT'ALVERNE - RJ     (duas trovas)
A vida aos poucos se apaga
mas, num sopro de carinho,
o velho vento ainda afaga
as pás do velho moinho.

Dentro da minha lembrança
o vento, em seu vai-e-vem,
quando vai - leva a esperança;
traz saudade - quando vem...

HERMOCLYDES SIQUEIRA FRANCO - RJ
Lembrando o triste momento
em que, a chorar, foste embora,
julgo ouvir, na voz do vento,
minha própria voz que chora!...

JOÃO FREIRE FILHO - RJ      (duas trovas)
Nas queimadas insensatas,
há um contraste que me dói:
o vento, que afaga as matas,
leva o fogo que as destrói!

O vento, em murmúrio brando,
passando bem devagar,
é um anjo, à noite, rezando
pelos veleiros no mar...

JOSÉ MARIA MACHADO DE ARAÚJO - RJ
É o meu próprio sofrimento
que, contra mim, se encapela:
minha vida é um mar sem vento
e eu teimo ser barco à vela...

LAVÍNIO GOMES DE ALMEIDA - Barra do Piraí
Há chuva? Há vento? Que importa,
se eu posso apertar meus passos,
e, ao chegar à tua porta,
ganhar abrigo em teus braços?!

LUNA FERNANDES - RJ
Sou como um barco praiano,
levado ao sabor da vaga,
que o vento do desengano
fustiga, mas... não naufraga!

MARIA APARECIDA C. OLIVEIRA - Niterói
Tão bom se os ventos soprassem
para longe a fome e a dor:
talvez os homens voltassem
a lembrar que existe o amor!

MARISOL - Teresópolis        (duas trovas)
Lamento é vento vadio
que a soluçar tristemente,
penetra neste vazio
que a vida deixa na gente.

O vento é um grito fremente
quando à noite, em desvario,
a saudade oprime a gente,
mostrando um leito vazio.

NEREU FRICKMAN - Niterói
Um lenço agita-se ao vento,
no adeus à beira do cais,
sem saber, nesse momento,
se "até breve" ou "nunca mais"...

P. DE PETRUS - RJ
Borrasca! Ao vento, minaz,
todo o mar se encapelou...
Anoitece - volta a paz,
e a jangada não voltou!...

SÉRGIO BERNARDO - Nova Friburgo
Amigo é o vento que corta
minha rua e a casa invade,
pois,batendo minha porta,
barra a entrada da saudade!...
=================================

PARA TROVADORES DE BRASIL E PORTUGAL (exceto Rio de Janeiro) = TEMA:  "PERDÃO"

VENCEDORES   (por ordem alfabética)

ADÉLIA V. FERREIRA - SP
Se os meus juízes confundo
com falsa argumentação,
recebo o perdão do mundo
mas, não, meu próprio perdão.

ARLINDO TADEU HAGEN - Juiz de Fora
Numa imagem que alucina,
o remorso me mostrou
teu perdão dobrando a esquina
que o meu pecado dobrou!

AURORA PIERRE ARTESE - SP
Se o rancor no peito cresce
e aprisionado magoa,
o tempo aconselha: "Esquece"
e o amor suplica: "Perdoa"!

IZO GOLDMAN - SP
Saudade, tu me magoas...
e cobras um alto preço
por culpas que não perdoas,
com penas que não mereço...

LILA RICCIARDI FONTES - SP
Nos arquivos da memória,
por mais que o tempo me afaste,
vai comigo a promissória
do perdão que me negaste.

MENÇÕES  HONROSAS:   (por ordem alfabética)

ALBA CHRISTINA CAMPOS NETTO - SP
Brigas de amor... passageiros
momentos de exaltação
que deixam dois travesseiros
aconchegando o perdão.

ALFREDO DE CASTRO - Pouso Alegre
As almas justas, serenas,
perdoam mas não esquecem
que atrás das faltas pequenas
as grandes sempre aparecem!

ARLINDO TADEU HAGEN
No instante em que ela voltou,
pondo fim à solidão,
o meu erro se jogou
nos braços do seu perdão!

AURORA PIERRE ARTESE
A mão que planta a videira
e fertiliza o sertão,
põe na amarga pimenteira
a doçura do perdão.

CARLOS DE ALENCAR - MG
Tudo mudou desde então,
quando vi que me enganei.
Hoje te peço perdão
do perdão que eu te neguei!

CLÓVIS MAIA - SP
Para quem nos atraiçoa
não devia haver perdão,
mas coração que perdoa
é muito mais coração.

EUGÊNIA MARIA RODRIGUES - Rio Novo/MG
Brigamos sem ter razão
mas voltas logo depois,
e a chave do teu perdão
abre o céu para nós dois!

IZO GOLDMAN
Minha culpa é nuvem triste
que procura na amplidão
a luz brilhante que existe
na estrela do teu perdão...

JOÃO ELIAS DOS SANTOS - SP
Por amor foste um ladrão
e tão bem intencionado,
que vens, pedindo perdão,
trazer o beijo roubado!

LUCY SOTHER ALENCAR DA ROCHA - BH
Gêmeos, da mesma parelha,
são iguais em dimensão:
a humildade que se ajoelha
e a grandeza do perdão.

MARIA AMÉLIA P. C. ALMEIDA - Portugal
O perdão tem tal poder,
tanto a virtude agiganta,
que foi capaz de fazer
de Madalena uma santa!

PAULO CESAR OUVERNEY - Juiz de Fora
Eu tenho pleno direito
de exigir, do meu destino,
perdão pelo que tem feito
com meus sonhos de menino.

VANDA FAGUNDES QUEIROZ - Curitiba
Cai o espinho que magoa,
e a cicatriz permanece.
A gente diz que perdoa...
perdoa, mas não esquece!

MENÇÕES  ESPECIAIS:   (por ordem alfabética)

ALBA CHRISTINA CAMPOS NETTO
Se essas velhas cicatrizes
não deixam teu coração,
põe mais água nas raízes
de onde nasce o teu perdão.

ALOÍSIO ALVES DA COSTA - Fortaleza
Quando o perdão intercede,
sempre enaltece a pessoa...
pela humildade, a quem pede,
pela bondade, a quem doa!...

ALYDIO C. SILVA - BH
Por tudo que aconteceu,
pelo perdão, quanto posso;
pois, sei que o gesto foi meu,
mas, o pecado foi nosso.

AMÁLIA MAX - Ponta Grossa/PR
Por mais que teu peito doa
e a dor o transforme em chama,
nunca reclames... perdoa...
também não perguntes... ama!...

ANITA THOMAZ FOLMANN - Ponta Grossa/PR
Às vezes fico pensando
quem tem maior coração:
o que se humilha implorando,
ou quem concede o perdão?

ARLINDO TADEU HAGEN
Em nosso amor, o pior
foi que o teu perdão sonhado
era um número menor
e não coube em meu pecado!

BATISTA SOARES - Fortaleza
Dá, Senhor, que eu possa ter,
se alguém me negar a mão,
coragem para esquecer,
ternura para o perdão...

CÍCERO ROCHA - Juiz de Fora
Na marcha pelas estradas,
faze do estranho um irmão.
Se tiveres mãos pesadas,
seja de tanto perdão.

EUGÊNIO CARVALHO JÚNIOR - João Pessoa/PB
Perdoa se fui tão rude,
se a despedida foi triste:
quis dizer amor... não pude!
Tu disseste... mas mentiste!

MARINA BRUNA - SP
Se a palavra te magoa
ou se o gesto te entristece,
usa indulgência: perdoa
e vai mais além: esquece!

SEBASTIÃO SOARES - Natal
Depois que a condenação
arrastou-me de vencida,
vi os dedos do perdão
abrindo as portas da vida!...

SILVINA ANTUNES LEAL - Santos
Voltaste enfim... Meu desgosto
terminou quando te vi,
provando em teu beijo o gosto
do perdão que eu te pedi...
=============================================
NOTA = esse material foi uma gentil contribuição do "Magnífico Trovador" IZO GOLDMAN, da UBT São Paulo/SP