(representante oficial da UBT no município:  WALDICK PEREIRA)

TEMA:   "INDEPENDÊNCIA"

1º lugar: HELVÉCIO BARROS - Bauru/SP
Independência - palavra
que tem sentido profundo:
nos lembra o braço que lavra
as terras livres do mundo!

2º lugar: EUGÊNIO MORATO - Belo Horizonte
Quem se diz independente,
independência não tem;
que alguém, até pra ser gente,
já dependeu de outro alguém...

3º lugar: BELCHIOR MELO DE ATHAYDE - Salvador
Eu não sei se a Inconfidência
valeria o que valeu,
se trouxesse a Independência,
sem Marília de Dirceu...

4º lugar: LUIZ OTÁVIO - Guanabara
Num rasgo, sem precedência,
um Príncipe ousado e forte
mostrou-nos que a Independência
vale a vida e vale a morte!

5º lugar: LEILA MICCOLIS - Guanabara
Independência, eu garanto,
é vento na humanidade,
propagando incêndio santo
nas chamas da Liberdade.

6º lugar: NOEL BERGAMINI - Guanabara
Independência é cultura,
Independência é saber;
viver sem uma, é tortura;
viver sem outra, é morrer...

7º lugar: AGMAR MURGEL DUTRA - Guanabara
Não quero essa independência
que rompe todos os laços...
Prefiro ter, na existência,
sempre a prisão de tus braços...

8º lugar: LUIZ DE OLIVEIRA CAVALCANTI - Nova Iguaçu
Independência, ganhamos,
na política somente,
pois do coração ficamos
mais presos à lusa gente!

9º lugar: RUTE MIRANDA SIRILO - Jundiaí/SP
Independência é sol quente
que abrasa o trabalhador,
ou luar que inspira a gente,
baixinho, a cantar o amor!

10º lugar: RAUL MENDES JORGE - Niterói
Pra Independência de cá
houve um acordo entre os dois:
o Brasil perguntou - "tá"?
Portugal disse - "pois, pois"!

11º lugar: CAROLINA RAMOS - Santos
O conceito não é novo,
ninguém compra e ninguém vende:
a Independência de um povo
de sua fibra depende.

12º lugar: ARLINDO CASTOR DE LIMA - Natal
Para a paz universal,
siga o mundo a experiência
de Brasil e Portugal,
no caso da Independência.

13º lugar: NILTON SOARES BELÉM - Nova Iguaçu
Independência bendita,
que é branca, negra, tapuia,
na tua chama infinita,
brinca uma eterna aleluia...

14º lugar: FERRER LOPES - Queluz/Portugal
Verdadeira Independência,
só por morte é concedida,
pois viver é contingência
das dependências da vida...

15º lugar: RUI GOMES CANEDO - Guanabara
Com a nossa Independência,
proclamada em tom vibrante,
teve o povo a consciência
do despertar do gigante!
=================================
NOTA = esse material foi uma gentil contribuição do "Magnífico Trovador" IZO GOLDMAN, da UBT São Paulo/SP