ACADEMIA PEDRALVA - LETRAS E ARTES

TEMA: "DECLARAÇÃO DE AMOR"

TROVAS VENCEDORAS E SEUS AUTORES:

- Renda? Imposto? - Está brincando!
Sou pobre, sou trovador...
Eu faço, de quando em quando,
só declaração de amor!
ANTONIETA BORGES ALVES - SP

Este amor que te declaro
é tão puro e tão bonito
que, ao medi-lo, eu o comparo
à grandeza do infinito!
ANTONIO TORTATO - Paranacity/PR

Do orvalho depende a flor;
da flor, o fruto, querida:
- Meu sonho, do teu amor;
do teu amor, minha vida!
DE PAULA MÁDIA - Taubaté

A mulher, entre as mulheres,
eu te elejo, de alma erguida...
Serei teu quando quiseres,
nem que o preço seja a vida.
DURVAL MENDONÇA - RJ

Tu plebeu, sendo eu raínha,
se quiseres ser meu dono,
dize, apenas, seja minha...
- Por teu amor, deixo o trono!
IRACI DO NASCIMENTO E SILVA - RJ

Ontem, na concha do ouvido,
declarei-lhe o meu afeto.
Hoje vejo, comovido,
que ela é avó do meu neto...
JACY PACHECO - Niterói

Lembro ainda em minha dor,
tendo entre nós um cipreste,
a declaração de amor
que há tu me fizeste...
LILINHA FERNANDES - RJ

Teu amor! Doçura infinda,
que afasta do mundo o mal,
é a sinfonia mais linda
do concerto universal!
MARIA IDALINA JACOBINA - RJ

Os teus cabelos, Maria,
embora soltos, me dão
a certeza de que, um dia,
hão de ser minha prisão!
OCTÁVIO BABO FILHO - RJ

Você já foi escolhida
para ser, em meu caminho...
na Santa Ceia da Vida,
meu Céu... meu Pão... e meu Vinho!
RUBENS DE CASTRO - Corumbá/MT
---------------------------------------------------------------------
NOTA = esse material foi uma gentil contribuição do "Magnífico Trovador" IZO GOLDMAN, da UBT São Paulo/SP