XXII JOGOS FLORAIS DE POUSO ALEGRE (1999)

TEMA: ESPERANÇA - Âmbito Nacional/Internacional

VENCEDORES

1º Lugar
A esperança é aquele brio
com que a magia da vida
mantém aceso o pavio
sobre a cera derretida!
Antônio de Oliveira - São Paulo

2º Lugar
Respeita o empenho constante,
o eterno recomeçar
de quem erra e segue avante,
na esperança de acertar.
Maria Helena C. M. Duarte - São Paulo

3º Lugar
Minha esperança é candeia
que, afrontando vendavais,
teimosamente, norteia
os meus pontos cardeais.
Darly O. Barros - São Paulo

4º Lugar
No viver o que mais cansa
são estas andanças vãs,
correndo atrás da esperança
e perseguindo amanhãs.
Izo Goldman - São Paulo

5º Lugar
Sem me curvar à derrota,
nenhum desalento esboço,
e à esperança mais remota
respondo bem alto: - Eu posso!
Lourdes P. F. Guthrod - Rio de Janeiro

 

MENÇÕES HONROSAS

Num cochilo dos tormentos,
minh'alma foge, e se atreve
a vagar pelos momentos
que a esperança ainda me deve...
Alba Christina Campos - São
Paulo

Minha mãe - "Vais alcançar"
dizia com voz singela;
e eu fingia acreditar
na esperança que era dela...
Almerinda Liporage- Rio de Janeiro

Não viva com tanta pressa,
o bom senso nos ensina,
que o desespero começa
onde a esperança termina!...
Aloísio Alves da Costa - Orós / CE

Se a minha esperança dorme,
e o sonho me vai fugindo,
vem outra esperança enorme,
e acorda a que está dormindo..
Fernando Teófilo

Bendita a mão que alumia
meus passos e não se cansa
de renovar, dia a dia,
o sol... de minha esperança!
João Freire Filho - Rio de Janeiro

Saudade, esperança morta,
que ao coração não dá trelas:
se a gente lhe fecha a porta,
ela arrebenta as janelas!
Maaria Lúcia Daloce Castanho - Bandeirantes / PR

- Entre nós não há mais nada...
e ao me escreveres assim,
rasguei a carta esperada,
rasgaste a esperança em mim!...
Marilúcia Rezende - São Paulo

Nas odisséias da vida,
essa inquietante jornada,
esperança é mão erguida
que norteia a caminhada!
Marisa Vieira Olivaes - Porto Alegre / RS

A mãe reza junto ao berço
e assim parece que alcança,
em cada conta do terço,
um rosário de esperança.
Renata Paccola - São Paulo

Os precipícios.. os valos
em que a existência nos lança,
para a gente atravessá-los,
basta um fio de esperança!
Waldir Neves - Rio de Janeiro

 

MENÇÕES ESPECIAIS

Nem a esperança conforta
o pai que vê, com tristeza,
a fome rondando a porta,
querendo sentar-se à mesa!
Campos Sales-SP- São Paulo

Eu não te esqueço e confesso,
no calvário da lembrança,
teu corpo ficou impresso
no sudário da esperança!..
Domitilla B. Beltrame - São Paulo

Se eu penso na eternidade
da vida em sua grandeza,
a luz que minh'alma invade
não é esperança.. é certeza!
João Freire Filho

Coração, mar insondável,
onde, entre a dor e o prazer,
cresce a esperança indomável
que se recusa a morrer.
Mria Helena C. Duarte - São Paulo

Sempre que a dor cresce e avança
não me perco em desatino...
porque a força da esperança
desfaz os nós do destino!...
Marilúcia Resende

Foi Deus, de eterna presença,
quem me inspirou confiança
e, sobre um nó de descrença,
dei um laço de esperança!
Marina Bruna - São Paulo

Esperança, não me peças
que acredite em tuas juras...
Já me cansei de promessas
e me perdi nas procuras.
Milton Nunes Loureiro - Niterói / RJ

Morre o sonho derradeiro,
sem esperança ou consolo,
quando a colher do pedreiro...
fecha o último tijolo!
Neide Portugal - Bandeirantes / PR

No lar do pobre, indefeso,
relegado em agonia,
esperança é o fogo aceso
na panela ao fim do dia!
Selma Patti Spinelli - São Paulo

Minha esperança, em essência,
bem mais que estreitar os laços,
é fazer da tua ausência
uma presença... em meus braços.
Sérgio F. Silva - São Paulo

=============================================

TEMA: VARANDA (Trovadores de Minas Gerais)

1º Lugar
Num merecido descanso
a velhinha veneranda
na cadeira de balanço,
enche de encanto a varanda!
Antônio Claret Marques - Guaxupé

2º Lugar:
De sonhar não me envergonho;
mas ante o dever, não falho:
troco a varanda do sonho
pelo galpão do trabalho!
José Tavares de Lima - Juiz de Fora

3º Lugar:
Ainda vejo da varanda,
em frente à Igreja Matriz,
o meu pai regendo a banda
e a praça inteira feliz!
Eduardo A. O. Toledo - Pouso Alegre

4º Lugar:
Na varanda de meu quarto,
dentre as montanhas, me enleia,
toda a beleza do parto,
do nascer da lua cheia!
Ivone Taglialegna Prado - Belo Horizonte

5º Lugar:
Ao dormir, às vezes parto
em um sonho tão profundo,
que faço, de um simples quarto,
uma varanda do mundo!
Marcelo Zanconato Pinto - Juiz de Fora

 

Menções Honrosas

Meu filho, o que fez a vida?
Meu quintal de encantamento
hoje é varanda espremida
na sala do apartamento!
Arlindo Tadeu Hagen - Juiz de Fora

Da varanda, contemplando,
a mãe chorou vendo o brilho
de outros pracinhas voltando,
sem a presença do filho!
Alfredo de Castro - Pouso Alegre

Velha foto amarelada...
eu, na varanda florida,
sou parte já desbotada
no tempo e na própria vida!...
Leda Maria Bechara - Juiz de Fora

"Não mais você na varanda"...
 E a minha dor se debruça:
tenta a seresta que abranda...
e em vez de cantar... soluça...
Lucy Sother de A. Rocha - Belo Horizonte

Nos bons tempos das varandas,
das mangueiras nos quintais
e das alegres cirandas
o mundo sonhava mais!
Roberto Resende Vilela - Pouso Alegre

 

Menções Especiais

Paixão não correspondida
é luz cercada de escuro,
tal qual varanda florida
cuja paisagem é um muro.
Conceição A. C. de Assis - Pouso Alegre

Quando o frio da varanda
causou-me leves tremores,
o vento, em hábil ciranda,
teceu-me um lençol de flores!
Heloísa Zanconato Pinto - Juiz de Fora

Da varanda eu respondia
ao teu adeus, contrafeito;
o meu rosto até sorria,
mas tinhas que ver meu peito!...
José Tavares de Lima - Juiz de Fora

Sob os trapos do luar,
na brisa envolvente e branda,
a saudade vem chorar
pelos cantos da varanda.
Roberto Resende Vilela - Pouso Alegre

Mesmo sabendo que é tarde,
o meu sonho não se cansa,
insistindo em que eu te aguarde
na varanda da esperança.
Thereza Costa Val - Belo Horizonte

============================================

I Concurso de Trovas da UBT de Minas Gerais = Tema: Luar

- Vencedores:

1º Lugar
Meu coração é sol-posto,
mas, nos campos da quimera,
vira na flor do teu rosto,
um luar de primavera!
José Messias Braz - Pouso Alegre - MG

2º Lugar
O luar, sobre a favela,
certa nobreza, resgata,
quando, de forma singela,
tinge os casebres... de prata!
Sérgio Ferreira da Silva -São Paulo - SP

3º Lugar
A noite é de apoteose,
pois, no horizonte, o luar
alveja a linha que cose,
ponto a ponto... céu e mar!
Antonio Carios T. Pinto - Niterói - RJ

4º Lugar
A buscar-lhe a companhia,
forço a noite a se apressar:
- Troco toda a luz do dia
por um RAIO DE LUAR!...
Heloisa Zanconato Pinto - Juiz de Fora - MG

5º Lugar
Nosso amor tem tal magia
que mesmo em noite sem lua,
o luar, por cortesia,
brilha só na nossa rua.
Almerinda Liporage - Rio de Janeiro - RJ

 

Menções Honrosas

Hoje a vida em seus desvelos
troca em nome da ilusão,
o luar dos meus cabelos
pelo sol do coração.
Antônio Bispo dos Santos Niterói - RJ

Fiandeiro, quanto zelo,
Deus dispõe no seu tear,
e faz da lua um novelo
para tecer o luar!...
Antônio Couri - Belo Horizonte - MG

Volto a contemplar a esmo,
ao luar, o meu recanto,
o luar parece o mesmo,
mas o lugar mudou tanto!...
Ana Maria Motta - Nova Friburgo - RJ

O luar no firmamento,
na humildade, se insinua:
- Tanto beija um monumento
como as pedrinhas da rua!...
Emilia Pefialba - Porto - Portugal

Luar... ourives de fama
que, pela mata orvalhada,
faz o engaste, em cada rama,
de uma gota iluminada!
Héron Patrício São Paulo - SP

 

Menções Especiais

Por mais que sofra os açoites,
da vida, em seu caminhar,
o Poeta faz das noites...
sempre noites de luar!
João Freire Filho - Rio de Janeiro - RJ

O luar para a viola
é o que tu és para mim:
- a esperança que consola
numa saudade sem fim!...
Maria Eulália Teixeira - Pouso Alegre - MG

Veleiro, ao longe, banhado
pela prata do luar,
teu vulto lembra um arado
rasgando os campos do mar!
Pedro Ornellas - São Paulo - SP

Por entre as ramas hirsutas,
em pomares carregados,
o luar espreme frutas...
na boca dos namorados!
Roberto Resende Vilela - Pouso Alegre - MG

Com teu amor me procuras
e a luz do teu meigo olhar,
estando a casa às escuras,
tem o clarão do luar!
Therezinha Dieguez Brisolla - São Paulo - SP