www.falandodetrova.com.br

29º JOGOS FLORAIS DE RIBEIRÃO PRETO-SP  =  2016

TEMA NACIONAL: FORJA  (Troféu) - líricas/filosóficas/afins
VENCEDORES  (de 1º a 5º são considerados vencedores)

1º LUGAR
A escola é forja sagrada
incandescendo a esperança,
se na sala de aula é dada
a educação à criança.
Therezinha  Dieguez Brisolla -  São Paulo- SP

2º LUGAR
O professor na labuta,
na forja da educação,
lapidando a mente bruta
dá luz e brilho à razão.
Dulcídio de Barros Moreira Sobrinho – Juiz de Fora-MG

3º LUGAR
Crê, filho, nessa bonança
forjada por tua lida,
que também forja a esperança
de seres alguém na vida.
Carolina Ramos –Santos-São Paulo

4º LUGAR
Em permanente vigília,
conjugando o verbo amar;
é assim que uma família,
forja a paz dentro do lar.
Olímpio da Cruz Simões Coutinho -  Belo Horizonte-MG

5º LUGAR
A forja molda o metal;
igualmente, a educação
é o tratamento ideal
para a humana formação!
Alba Helena Corrêa – Niterói- RJ

05 MENÇÕES HONROSAS – (Medalha de Prata) - por ordem de classificação:

Na forja, os ferreiros vão
fundir metais,certamente,
e, do trabalho, terão
um resultado eficiente!
Delciy Rodrigues Canalles – Porto Alegre-RS

Trova exige inteligência
e no esmero, cem por cento,
na forja da persistência
é que forjo o meu talento!
José Antonio de Freitas – Pitangui-MG
 
A forja do amor aquece
os sentidos de tal jeito
que a plenitude acontece
num tempo mais que perfeito.
Relva do Egypto Rezende da Silveira – Belo Horizonte-MG

Quando os homens, sem temor,
se unirem numa corrente
feita na forja do amor,
nada haverá que a arrebente.
Dodora Gallinari – Belo Horizonte-MG  

A UBT do bom Luiz
seu grande ideal mantém:
ser sempre a forja e a matriz
da poesia do bem.

Antônio Augusto de Assis –Maringá-PR

Categoria NOVO TROVADOR - Tema Forja (Troféu)

VENCEDOR:
Moldei à forja um anel
com o intuito de ofertar-te;
ah, por ti tiro o chapéu!
Minha musa... Quero amar-te!
Luiz Moraes – São José dos Campos - SP
=====

 29º JOGOS FLORAIS DE RIBEIRÃO PRETO-SP

TEMA NACIONAL: ALFINETE  (Troféu)  =  humorísticas

VENCEDORES (de 1º a 5º são considerados vencedores)

1º LUGAR
Dinheiro, luxo, banquete,
tudo isso é besteira, irmão.
Basta um simples alfinete
para murchar um balão...
Antônio Augusto de Assis –Maringá-PR

2º lugar
Cumpri um castigo pesado
por ter roubado um sorvete:
- Chupei prego enferrujado
até virar alfinete!
Renato Alves – Rio de Janeiro-RJ

3º lugar
A mão boba ela sentiu,
com alfinete a espetou:
o dono da mão sumiu,
sentiu a dor... não gritou!
Alba Helena Corrêa – Niterói –RJ

4º lugar
Um alfinete se alinha
e diz à agulha travessa:
- “ Se tu saíres da linha,
por ti... eu perco a cabeça” !
Roberto Tchepelentyky –São Paulo –SP

5º lugar
Essa garota é tão magra,
pela roupa, se comprova,
seu apelido à consagra:
-Um alfinete, de prova.
Fabiano de Cristo Magalhães  Wanderley – Natal – RN
 
  
05 MENÇÕES HONROSAS  (medalha dourada)  =  por ordem de classificação

Quem, estrategicamente,
botou o alfinete ali?
No sofá da sogra, gente!
Quem foi? Quem foi? EU NÃO VI !!!
José Ouverney – Pindamonhangaba-SP

No alfinete eu não confio,
pois já me deixou na mão.
Soltou-se num rodopio
e a saia foi para o chão.
Marialice Araujo Velloso – São Gonçalo –RJ

Por todos bem conhecido,
magricela pra “cacete”,
tinha mesmo um apelido
que não outro: - um “alfinete”...
Antônio Colavite Filho –Santos –SP

O alfaiate, sem cuidado,
ao espetar  o velhinho,
escuta deste, zangado:
- é um alfinete ou espinho!?
Heder Rubens Silveira e Souza – Natal-RN
 
A moça, em pleno banquete.
siliconada e de farda,
descuidou-se e  um alfinete
explodiu-lhe a “ retaguarda”!
Edmar Japiassu Maia – Nova Friburgo-RJ

NOVO TROVADOR (troféu)
VENCEDOR:

Do   alfinete mal fechado
desprendeu-se o meu crachá;
preso saiu de advogado
e eu fiquei preso por lá.
Luiz Moraes – São José dos Campos- SP
=============================================
 

CONCURSO MUNICIPAL DE RIBEIRÃO PRETO/SP

Tema NOBREZA
VENCEDORES (troféu)

1º Lugar
Nobreza é não se perder
em conquistas pessoais.
É nobre quem sabe ver
que somos todos iguais.
Rita Mariano Mourão
2º Lugar
No palácio a realeza
Nem sempre valor encerra
Pode haver maior nobreza
Naquela que lavra a terra.
Nely Cyrino de Melo
3º Lugar
Quem sabe ter vida séria
livra-se do mau, que o bem
não quer ninguém na miséria
pela nobreza que tem.
Nilton ManoelTeixeira
4º Lugar
Diante à audácia de um nobre,
eu me curvo ante a grandeza
daquele que sendo pobre
serve ao nobre com nobreza.
Rita Mariano Mourão
5º Lugar
O poeta por nobreza,
se cria trovas e versos,
contempla e leva a proeza
a lugares mais diversos.
Sueli Tornici

MENÇÃO HONROSA (medalha prateada)

1º lugar
Quando oramos, que bonito
ter Jesus no coração,
o mundo faz-se infinito
na nobreza da oração.
Arlete Luiza Teixeira
2º lugar
“Lei Áurea” foi a princesa
que assinou muito gentil.
Demonstrando por nobreza
o grande amor ao Brasil!
Vanda Duarte da Silva
3º lugar
Todo homem tem por nobreza
nunca perder a esperança,
ao ter sonhos com clareza
como uma eterna criança.
Sueli Tornici
4º lugar
Ontem – verdugo da paz
Triste sina, sem beleza!...
Hoje no sepulcro jaz,
Esquecido, sem nobreza!...
Roger Rodrigo de Brito
5º lugar
Do sangue vem a nobreza!
vem do caráter também!
Não pode ter realeza
quem bom caráter não tem!
Nelson Jacinto

MENÇÃO ESPECIAL

1º lugar
Ter dinheiro nesta vida
não significa nobreza...
Mas é mesa dividida,
com muita delicadeza!
Elisa Alderani
2º lugar
Quem na testa tem coroa,
sabe reinar com nobreza...
Em praticar obra boa,
ama o povo com certeza!
Elisa Alderani
3º lugar
Caráter... É alta nobreza...
Em base ética erigido...
Um cabedal de riqueza...
Próprio ao ser evoluído...
José Carlos Panazzolo
4º lugar
Seria o mundo mais nobre,
se a nobreza consciente,
se agregasse à mão do pobre
servindo-se mutuamente.
Rita Mariano Mourão
5º lugar
Nobreza é uma qualidade
Que todos queremos ter
É sentir felicidade
Retorno do bem querer.
Leda Pereira
......................................................

CONCURSO MUNICIPAL HUMORÍSTICO
Tema SARJETA -VENCEDOR (troféu)

1º Lugar
Quem não respeita seu trono
e cai nas mãos do capeta,
passa a ser um cão sem dono
que dorme em qualquer sarjeta.
Nilton Manoel Teixeira
2º Lugar
Brincando no meio fio
Feito macaco espoleta
O coitado do meu tio
Se estrumbicou na sarjeta.
Nely Cyrino de Melo
3º Lugar
Brigou tanto com Maria
e afogou-se na cachaça;
na sarjeta, ao meio dia
acordou todo sem graça.
Nilton Manoel Teixeira
4º Lugar
Eu sempre marquei meu tempo
Na minha antiga ampulheta,
Mas eu tive um contratempo
E fui parar na sarjeta.
Nelson Jacinto
5º lugar
Na sarjeta ele caiu
E rasgou o paletó
É que muita gente o viu
Bebendo de fazer dó.
Nely Cyrino de Melo

MENÇÃO HONROSA (medalha prateada)
1º lugar

Lava os pés, pobre Zezinho...
Na sarjeta está sentado,
fala com ele sozinho,
está bêbado o coitado...
Elisa Alderani
2º luhar
Boca de lobo entupida...
Só não jogam quem merece!
Sarjeta não tem saída,
vamos ver o que acontece...
Elisa Alderani
3º lugar
Choveu forte na cidade,
corre barro na sarjeta...
Sai do banco meu confrade,
cai...Suja toda a jaqueta...
Elisa Alderani
4º lugar
Imponente na lambreta
a Diva vai passear,
esqueceu-se da sarjeta
na lama foi focinhar...
Wanda Duarte da Silva
5º lugar
Pobre senhor na sarjeta
pede tudo e até café,
mas sozinho faz careta
mas não perde sua fé.
Arlete Luiza Teixeira

MENÇÃO ESPECIAL (medalha prateada)

1º lugar
Tão vaidosa a Catarina,
caiu feio na sarjeta;
João amparou a menina
e ganhou uma gorjeta.
Sueli Tornici
2º lugar
Foi mau cair na sarjeta,
bebum, de terno e gravata,
cansado de tanta treta,
chamando a mulher de ingrata...
Nilton Manoel de Andrade Teixeira
3º lugar
Quatro anos são passados...
Ficou onde o calçadão?
Sarjeta, pisos quebrados
quem está com a razão?
4º lugar
Wanda Duarte da Silva
Fui pular uma sarjeta
Nem calculei o perigo
Sucedeu que esta muleta
Carrego como castigo.
Nely Cyrino de Melo
5º lugar
Foi tombado pela pinga,
deu de cara na sarjeta...
surge um mal humorado e xinga:
que sujeito mais ranheta!
Célia Aparecida Billi Barbosa
===================================

17 jogos florais estudantis de Ribeirão Preto-SP

 

TROVAS PREMIADAS  LIRICAS/FILOSOFICAS  TEMA LEITURA

 

Coordenador: José Feldman (PR)

Comissão Julgadora: A. A. de Assis (PR), Flávio R. Stefani (RS), Milton Souza (RS), Thalma Tavares (SP) e Dorothy Jansson Moretti (SP)

 

 

_____________________________

VENCEDORAS

_____________________________

 

1O . Lugar  

Nos momentos de leitura,

ah! quanto conhecimento!

Saímos da vida dura,

caímos no encantamento.

Marcela Sader Rondinoni – 7o A

EMEF Professor Anísio Teixeira

_____________________________

2O . Lugar 

Leitura faz viajar

por este mundo sem fim,

sem nem sair do lugar,

como faz bem para mim.

Luís Paulo Farias – 8o ano

EMEF Profa. Eponina de Britto Rossetto

_____________________________

 

3O . Lugar 

A leitura é diferente,

não é como uma canção.

Não depende só da gente,

tem que vir do coração.

Ester Moreira C. de Oliveira – 9o C (Manhã)

EMEF Geralda de Souza Espin

_____________________________

4O . Lugar 

No universo da leitura

vamos todos viajar,

e viver uma aventura

a fim de a vida mudar.

Marli Souza Araújo – 9o A

EMEF Professor Anísio Teixeira

_____________________________

5O . Lugar 

Leitura ajuda na prova,

tudo começa a fluir.

Me ajuda até nesta trova,

que está prestes a surgir.

Guilherme Henrique Vicente Marozi – 9o A

EMEF Professor Anísio Teixeira

_____________________________

MENÇÃO HONROSA

_____________________________

 

1O . Lugar 

Segui para um novo mundo,

sem sair do meu lugar,

e dentro de mim, no fundo,

fiz da leitura meu lar.

Josimara Victorino Coutinho – 9o C

EMEF Professor Anísio Teixeira

_____________________________

2O . Lugar 

Leitura é conhecimento,

que nos ensina a viver.

Compreender o momento,

proporcionando o crescer.

Gabriel Aparecido Alves de Oliveira – 7o B

EMEF Nelson Machado

_____________________________

 

3O . Lugar 

Um prazer inexplicável,

viagem nos pensamentos.

Leitura: dom implacável

de mexer com sentimentos.

Luana Gerace Alves – 9o B

EMEF CAIC Antônio Palocci

_____________________________

4O . Lugar 

Cultivo a boa leitura

como jeito de viver.

Preencho-me de cultura

e com a luz do SABER!

Geovana Pires de Lima – 8o A

CEMEI Dr. João Gilberto Sampaio

_____________________________

5O . Lugar 

A leitura traz a calma...

me desliga deste mundo.

Ela eleva esta minha alma,

para um sonho bem profundo.

Julia Emily Paulino da Silva – 8o D

EMEF Professor Anísio Teixeira

 

_____________________________

MENÇÃO ESPECIAL

_____________________________

 1O . Lugar 

Nesta leitura eu divago...

Ondas de palavras vêm.

Em muitos livros naufrago

e o saber vai mais além.

Breno Cubas da Cruz – 9o A

EMEF Professor Anísio Teixeira

_____________________________

2O . Lugar 

É uma fonte inesgotável

de prazer e de alegria.

Sensação inexplicável,

leitura é uma fantasia.

Laura Carolina dos Santos – 9o C (Manhã)

EMEF Geralda de Souza Espin

_____________________________

 

3O . Lugar 

No mundo globalizado

leitura é fundamental,

forma ser politizado,

cidadão com ideal.

Júlia Íris da Silva – 8o ano

EMEF Profa. Eponina de Britto Rossetto

_____________________________

4O . Lugar 

A leitura é conquistar

com um sorriso no rosto,

meus sonhos realizar,

minha vida tomar gosto.

Júlia Graziele Jesus de Sá – 6o B

EMEF CAIC Antônio Palocci

_____________________________

5O . Lugar 

Leitura traz diversão,

amplia nossa cultura,

faz acender a paixão

por toda a literatura.

Victor Hugo Palhares Flávio dos Reis – 8o ano

EMEFEM Dom Luiz do Amaral Mousinho

 

 

TROVAS PREMIADAS  HUMORISMO  TEMA CARTUM

 

Coordenador: José Feldman (PR)

Julgadores: A. A. de Assis (PR), Flávio R. Stefani (RS), Milton Souza (RS), Thalma Tavares (SP) e Dorothy Jansson Moretti (SP)/Gislaine Canales (RS)

 

 

Escolas Premiadas

 

VENCEDORAS

_____________________________

 

1O . Lugar 

Um cartum tentei fazer,

fiz o lixo transbordar,

o chão tive que varrer,

antes da mamãe chegar!

Bárbara Silva Dias – 8o C

CEMEI Dr. João Gilberto Sampaio

_____________________________

2O . Lugar 

Tem dinheiro na cueca,

lava-jato e mensalão,

gente levada da breca

produz cartum de montão.

Juliana Sampaio de Jesus – 9o ano

EMEF Profa. Eponina de Britto Rossetto

_____________________________

 

3O . Lugar 

Eu li um estranho cartum

que falava de ladrão,

e de repente... “cabrum”!!!

A bolsa sumiu da mão.

Leonardo Gibeli de Oliveira – 9o A

EMEF Vereador José Delibo

_____________________________

4O . Lugar 

Que cartum mais engraçado,

tem coxinha e acarajé,

um monte de deputado

no doleiro pondo fé!

Guilherme Quintero – 8o ano

EMEF Profa. Eponina de Britto Rossetto

_____________________________

5O . Lugar 

Cara de bobo nós temos,

e cartum dá pra fazer.

Os corruptos que elegemos

sambam em nós, podem crer!

Gabriel Sanches Alcântara – 9o A

EMEF Vereador José Delibo

  _____________________________

MENÇÃO HONROSA

 

1O . Lugar 

Um bom cartum nos mostrava

um fato muito legal,

o político ajudava,

não roubava o capital.

 Murilo Fruttuoso Ferreira – 8o A

EMEF Vereador José Delibo

_____________________________

2O . Lugar 

Um cartum eu vou criar,

mas a verdade é cruel,

zero sei que vou tirar,

porque está branco o papel.

Danilo Tussi Pedroso – 9o A

EMEF Vereador José Delibo

_____________________________ 

3O . Lugar 

Preciso fazer a trova

com o tema de cartum,

mesmo não sendo uma prova,

eu sei que vou tirar um.

Maria Eduarda Watanabe Silva – 9o C

EMEF Vereador José Delibo

_____________________________

4O . Lugar 

Pescador fez um cartum,

um peixe ele desenhou,

o tamanho era incomum,

não foi ele quem pescou!

William Gonçalves Pereira – 6o ano

EMEF Profa. Eponina de Britto Rossetto

_____________________________

5O . Lugar 

Um cartum tentei fazer,

ele ficou bem estranho.

É difícil entender,

mas esse concurso ganho.

Ana Laura da S. Soares Albino – 8o A

EMEF Vereador José Delibo 

_____________________________

 

MENÇÃO ESPECIAL

_____________________________ 

1O . Lugar 

Um cartum quero fazer,

mas não pude terminar,

mesmo assim vou concorrer

e o concurso vou ganhar.

Bruno da Silveira – 8o A

EMEF Vereador José Delibo

_____________________________

2O . Lugar 

Vi um velho cartum no chão,

com capa toda molhada.

Doeu no meu coração

essa leitura jogada.

Thalita Ruy – 8o A

EMEF Vereador José Delibo

_____________________________

3º . Lugar 

Estava lendo um cartum

que era bastante engraçado,

porque falava de atum...

ri que até fiquei cansado.

Diego Costa Guimarães – 6o A

EMEF Vereador José Delibo

_____________________________

4O . Lugar 

Eu queria ver ação,

então, fui ver um cartum

que tinha muita explosão...

minha cabeça fez BUM!

Felipe Albanez Contin – 9o A

EMEF Vereador José Delibo

_____________________________

5O . Lugar 

É muito bom aprender

e esse cartum acabar,

essa nota vai valer

para desse ano passar.

Maria Victória Faccioli – 6o A

EMEF Vereador José Delibo

_____________________________

 

Troféu ESCOLA DE TROVADORES

 

Escolas Participantes e número de trovas premiadas

 

 

                                                                                Leitura       Cartum

CEMEI Dr. João Gilberto Sampaio___________________ 1                1      

 

EMEF Profa. Eponina de Britto Rossetto_____________ 2                3

 

EMEFEM Dom Luiz do Amaral Mousinho____________ 1                0

 

EMEF Professor Anísio Teixeira _____________________ 6                0

 

EMEF Geralda de Souza Espin ______________________ 2                0

 

EMEF Nelson Machado _____________________________ 1                0

 

EMEF CAIC Antônio Palocci  ________________________ 2                0

 

EE Prof. Hélio Lourenço de Oliveira _________________ 0                0

 

EMEF Prof. Paulo Freire_____________________________ 0                0

 

EMEF Prof. José Rodine Luiz________________________ 0                0

 

EMEF Prof. José Delibo_____________________________ 0                11
 

PREMIAÇÃO: CINE CAUIM DIA 18 DE JUNHO​  =  DADOS ENVIADOS POR NILTON MANOEL, PRESIDENTE DA SEÇÃO UBT DE RIBEIRÃO PRETO