PARA TROVADORES DE TODOS OS QUADRANTES (exceto a cidade do Rio de Janeiro)

1º TEMA:  "LIVRE"  =  (trovas líricas)

VENCEDORES:     (por ordem alfabética)

JOSÉ AUGUSTO RITTES - Atibaia/SP
Relógio, meu companheiro
das madrugadas sem fim,
batendo as horas no outeiro,
bates com elas em mim...

JOSÉ VALERIANO RODRIGUES - BH
A saudade faz um laço
entre nós dois, de tal jeito,
que pulsa neste embaraço
teu coração no meu peito...

NYDIA IAGGI MARTINS - Nova Friburgo     (duas trovas)
Eu sinto, de minha parte,
partilhando a despedida,
que sempre que você parte,
parte um pouco a minha vida...

Se a fonte falar pudesse,
a do jardim que foi nosso,
só não me diria: "Esquece!"
porque sabe que não posso...

RUBENS DE CASTRO - Corumbá/MS
Minhas mágoas foram tantas,
tantas fora, que não sei,
que não sei nem mesmo quantas,
quantas mágoas já passei!

MENÇÕES  HONROSAS:     (por ordem alfabética)

ANTONIO CARLOS TEIXEIRA PINTO - Niterói
Remoendo, em desalinho,
velhos sonhos que acalento,
lembro um inútil moinho
a moer o próprio vento!

AGUINALDO TEIXEIRA PINTO - Taubaté/SP
Seis que és fútil caprichosa,
mas vivo dos teus carinhos...
Querida, quem ama as rosas,
suporta, alegre, os espinhos!

FRANCISCO ASSIS MENEZES - Porangatu/GO
Pela saudade eu transponho
fronteiras quase sem fim,
no doce embalo de um sonho
vivido a dois, só por mim!

HUMBERTO LYRIO DA SILVA - Salvador
Quando, livre, o pensamento
me recorda a mocidade,
sinto-me um velho detento
na reclusão da saudade...

IZO GOLDMAN - SP
No livro de nossa vida,
por culpa do teu ciúme,
a estória foi dividida
e eu fiquei noutro volume...

LUCY SOTHER ALENCAR DA ROCHA - BH
Um nada sem importância,
uma briguinha, e depois...
... toda essa imensa distância
do mais nada entre nós dois!

LUIZ DE CARVALHO RABELO - Natal
Sobre o amor - fel e doçura -
podemos acrescentar
que é bem que a gente procura,
mas acha sem procurar...

LUIZ PIZZOTTI FRAZÃO - Niterói
De que remotas idades
tu vens, ó alma que abrigo,
trazendo tantas saudades
e tantas magoas comigo?...

OLÍMPIO CRUZ - Brasília/DF
Só comparo as minhas mágoas
às de um riacho vazio
que viu fugir suas águas
para as bandas de outro rio...

WALTER WAENY - Santos
Para ter luz, nas andanças
da mais cruel das paixões,
eu fui queimando esperanças
como se fossem carvões...

 

MENÇÕES   ESPECIAIS:     (por ordem alfabética)

ALOÍSIO ALVES DA COSTA - Nova Friburgo
Peço a Deus que o tempo corra,
e corra a nosso favor,
para que este amor não morra
antes que eu morra de amor!...

CAROLINA RAMOS - Santos     (três trovas)
Ferem sim, mas quero tê-las
ao longo da caminhada:
- Ilusões! - cacos de estrelas
que enchem de luz minha estrada!

Tua carta pequenina
dizia: 'Eu te quero bem!"
E selei a minha sina
com outra menor: "Também!"

Em meus olhos já se embaça
tua imagem... longe vais!
E a cada instante que passa,
eu passo a querer-te mais!

GRAZIELLA LYDIA MONTEIRO - BH
Nada levo na viagem,
não tem marco minha estrada,
mas como pesa a bagagem
só de angústias carregada!

HELVÉCIO BARROS - Bauru
Saudade eu vejo, querida,
e, teus cabelos de arminho:
ternura que enfeita a vida,
adeus no fim do caminho.

RODOLPHO ABBUD - Nova Friburgo
O amor nos vence e domina
num mistério tão profundo
que te faz, frágil menina,
a muralha do meu mundo!

ROSALINA ROSA LEITE - Santos
Foi depois que tu partiste
que aprendi algo profundo:
um mundo bom só existe
quando é de dois esse mundo...

SEVERINO SILVEIRA DE SOUZA - Porto Alegre
Não considero o passado
que maculou teu destino.
Teu amor sendo sagrado,
meu perdão será divino!

VASQUES FILHO - Fortaleza
Lembrando o teu vulto esguio,
de transcendente beleza,
brindo o teu lugar vazio
entre os convivas, na mesa.
--------------------------------------
2º TEMA: "LIVRE"  =  (trovas filosóficas)

VENCEDORES:     (por ordem alfabética)

IZO GOLDMAN - SP
Nenhum de nós é culpado
se o Destino faz trapaça,
cobrando preço dobrado
por sonhos que são de graça...

MANUEL MARTINS OLIVEIRA COSTA - Juiz de Fora     (duas trovas)
Sem lar que lhe dê consolo,
o pedreiro sonha em vão,
com sementes de tijolo
que brotem casas do chão...

Quem ao dinheiro se rende,
deixa muito a desejar,
pois aquele que se vende,
não vale a pena comprar...

PEDRO VIANA FILHO - Volta Redonda
Essas pedras que me atiram
no decurso dajornada,
embora todas me firam,
vão calçando a minha estrada!

RUBENS DE CASTRO
Pelas encostas da vida,
dissimulando o revés,
há muita estrada florida
que faz sangrar nossos pés!

MENÇÕES  HONROSAS:     (por ordem alfabética)

ALFREDO DE CASTRO - Pouso Alegre
Para a fé não há sigilo,
nem qualquer contradição:
ela explica tudo aquilo
que não tem explicação!

ALOÍSIO ALVES DAS COSTA
Há sempre luz sobre o rosto
de quem, de face enrugada,
aprende a ver no sol posto
a beleza da alvorada...

HUMBERTO LYRIO
Não quero fortuna alheia
nem repito o que outro diz:
é tecendo a própria teia
que a aranha vive feliz.

IZO GOLDMAN
A vida vai prometendo,
não cumprindo e, muito esperta,
quando eu cobro, vai dizendo:
"Qualquer dia a gente acerta..."

JOÃO JUSTINIANO DA FONSECA - Salvador
Quis semear nos caminhos
frutas e flores somente.
- Quanta vez plantei espinhos
sem conhecer a semente!...

JOSÉ MARIA MORGADE DE MIRANDA - Ribeirão Preto/SP
Socorre o amigo perdido,
dá teu auxílio a sorrir,
pois mais triste que o pedido
é a vergonha de pedir.

LEILA RIBEIRO FERREIRA - BH
Repara bem os caminhos
para depois dar teu passo;
pisei em muitos espinhos
por ter os olhos no espaço...

MANITA - Niterói
Mascarando os sofrimentos,
vou vestindo as fantasias
que a vida impõe, em trezentos
e sessenta e cinco dias...

VASQUES FILHO
Verdade que se proclama
pelo efeito contraposto:
- quem joga pedra na lama,
recebe lama no rosto.

WALTER WAENY
Frequentemente nos cansa
a esperança que não finda,
mas a falta de esperança
talvez canse mais ainda!

MENÇÕES  ESPECIAIS:     (por ordem alfabética)

ALFREDO DE CASTRO
Se mudares de horizonte,
deves agir com prudência:
antes espinhos na fronte
do que brasas na consciência.

CAROLINA RAMOS
O remorso é da consciência
um relógio singular,
atrasado a dar-lhe ciência
da hora de despertar.

DAVID DE ARAÚJO - Santos    (três trovas)
Vou chegando ao fim da estrada,
magoado, de alma iludida,
recebendo quase nada
do pouco que peço à vida...

Haveria mais ternura
nesta existência que passa,
se os que se dão na ventura,
fossem irmãos na desgraça...

Nem sempre quem julga a esmo,
a culpa alheia e o delito,
pode julgar-se a si mesmo,
sem temer o veredito...

MANUEL MARTINS OLIVEIRA COSTA
Para sermos bons irmãos,
entre requintes e galas,
não basta darmos as mãos:
é necessário apertá-las!

NYDIA AIGGI MARTINS - Nova Friburgo
Em luta com meu remorso
eu me levanto e me deito.
- e quanto mais eu me esforço,
mais ele grita em meu peito.

ROSALINA ROSA LEITE
Amigo, destrua o medo
que o faz, por vezes, covarde;
é bem melhor lutar cedo
do que chorar quando é tarde!

SARA MARIANY KANTER - SP
Na voz triste da criança
que nos implora: "um trocado..."
o amanhã sem esperança
de um hoje desesperado!...

WALTER WAENY
É grande infelicidade
que, a fim de evitar, me esforço,
ter, no aço da coragem,
a ferrugem do remorso.
--------------------------------------

3º TEMA:  "LIVRE"   (apenas trovas humorísticas)

VENCEDORES:     (por ordem alfabética)

ANTONIO CARLOS TEIXEIRA PINTO - Niterói
A mulher não se contém
e fala, meio intrigada:
- querido, a cegonha vem,
mas... tem que ser ajudada!...

HUMBERTO LYRIO - Salvador
Ante o tempo do consórcio,
logo o Juiz sentencia:
- Não é caso de divórcio,
mas, de aposentadoria!...

IZO GOLDMAN
Tenho medo de mulher
com marido e,mesmo sem...
- da solteira, porque quer...
da casada, porque tem...

MANUEL MARTINS OLIVEIRA COSTA
Chegou com tal bebedeira
o feioso Zé do Apito,
que ouviu, pela vez primeira,
dizer-lhe a mulher: "Bonito!" 

WILSON ROSA - Juiz de Fora
Foi fiel de ponta a ponta,
vejam que exemplo tocante:
casou-se vezes sem conta
mas nunca mudou de amante...

MENÇÕES  HONROSAS:     (por ordem alfabética)

JOSÉ VALERIANO RODRIGUES - BH
O Zuza levou à praia
um "bofe",mas alegou:
- Se peguei tremenda vaia,
na mulher ninguém pegou...

RODOLPHO ABBUD
Vendo o biquíni do broto,
na motoca, a mais de cem,
afirma o guarda, maroto:
"documentos ela tem!!!"

SÍLVIO RICCIARDI - Ribeirão Preto
Eu não quero discussão
com assunto tão sem graça,
pois mulher e religião
não se discute, se abraça!

VASQUES FILHO     (duas trovas)
Pitonisa bem frajola,
de miniblusa e saiote,
lendo a sorte numa bola,
mostra duas no decote...

Vê, Rosário, o que me aprontas!
Eu te conheço do berço.
Tens um rosário de contas
do qual não pagaste um terço!...

MENÇÕES  ESPECIAIS:     (por ordem alfabética)

AYRTON CHRISTOVAM DOS SANTOS - Cabo Frio
No momento em que casou,
o noivo, bem humorado,
disse "Sim" - e acrescentou:
'É o jeito, seu delegado"...

CÉLIO GRÜNEWALD
Aqui jaz um desgraçado
que em vida pouco falou.
Não teve culpa o coitado:
a gagueira não deixou!

FLÁVIO ROBERTO STEFANI
Deixando tanta bebida
ao santo, o velho Petrônio,
ao sair viu estendida
a imagem de Santo Antonio...

JACY PACHECO - Niterói
Eu, estátua? Penso e acho
que a homenagem não me anima:
cães me acertando por baixo
e passarinhos... de cima!

WALTER WAENY
De um jeito esquisito e irônico,
o vendeiro lá da esquina
lembra um cérebro eletrônico:
calcula e não raciocina...
//////////////////////////////////////////////////////////////////////////
 

ÂMBITO MUNICIPAL  (apenas trovadores da cidade do Rio de Janeiro)

1º TEMA:  "LIVRE"  =  (trovas líricas)

VENCEDORES:     (por ordem alfabética)

ALCY RIBEIRO SOUTO MAIOR
Num capricho alucinado,
em vindoura encarnação,
eu quero ser o pecado,
se tu fores meu perdão!

CORRÊA VILELA
O lírio branco - a pureza -
que ao doce orvalho balança,
tem a mesma singeleza
de um coração de criança...

JESY BARBOSA
Há uma árvore tão feia,
tão sozinha em meu quintal!
- Vagalumes, acendei-a,
que hoje é noite de Natal!...

OCTÁVIO VENTURELLI
Uma só noite, Maria,
seu amor me concedeu;
foi como a noite de um dia
que jamais amanheceu...

WALDIR NEVES
Que estranho mistério existe
no lamento da viola:
- queixume que me faz triste;
- tristeza que me consola!...

MENÇÕES  HONROSAS:     (por ordem alfabética)

ALCY RIBEIRO SOUTO MAIOR
Na pobreza do meu ninho,
com teu amor que me enleia,
meu jantar de pão sem vinho
tem ares de Santa Ceia!

ELTON CARVALHO
Vazio é tédio, é cansaço,
é angústia que a gente sente,
como se fosse um pedaço
faltando dentro da gente!

FORTUNATO BENCHIMOL
Meiguice, espelho encantado
que reflete o paraíso,
pingo de mel derramado
na moldura de um sorriso!

JOSÉ MARIA MACHADO DE ARAÚJO     (duas trovas)
Em te negar a ternura
que eu tinha e nunca te dei,
quantos anos de ventura
à minha vida roubei!...

Eu tenho amor, tu pureza,
não temas um lar modesto:
a nossa fé põe a mesa
e Deus há de por-lhe o resto...

JOUBERT DE ARAÚJO SILVA     (três trovas)
Minha vida é uma balança
que pesa em desigualdade:
- num prato falta esperança
e no outro sobra saudade!

Solidão... último porto,
onde sem rota, vencida,
a nau do meu sonho morto
ancorou pra toda vida.

Esta saudade constante,
esse amor que me entristece,
lembra a luz de um sol distante
que brilha mas não aquece!

OCTÁVIO VENTURELLI
À noite, em meus sonhos vãos,
minhas mãos, tristes e frias,
procuram por tuas mãos
e voltam sempre vazias...

WALDIR NEVES
Pela doçura que enseja,
pelo enlevo que produz,
a penumbra talvez seja
o próprio sonho da luz...

MENÇÕES  ESPECIAIS:     (por ordem alfabética)

ALCY RIBEIRO SOUTO MAIOR
Vi, na magia de um bumbo,
enquanto ele ressoava,
os soldadinhos de chumbo
de um quartel que eu comandava...

CARLOS GUIMARÃES
Eu peço, amor, não te vás,
fica, ao menos, por piedade,
pois tua ausência me traz
a presença da saudade...

DURVAL MENDONÇA
Teus carinhos, teus cabelos,
teu beijo e tua ansiedade...
Que não daria eu por tê-los,
no lugar desta saudade?!

ELTON CARVALHO
As folhinhas amarelas,
caindo pelo quintal,
são as lágrimas singelas
da velhice vegetal!...

JOSÉ MARIA MACHADO DE ARAÚJO     (duas trovas)
Sem teu amor que é meu mundo,
a vida não faz sentido:
é como andar num mar fundo,
dentro de um barco, perdido.

Sei que existes, sei que és linda,
sei que é doce o teu olhar...
Só não sei quem és ainda,
mas eu hei de te encontrar!...

MÁRIO PEIXOTO      (duas trovas)
O barco rangeu de leve,
beijando a beira do cais.
tu me disseste - até breve!
Meu peito ouviu: - nunca mais...

E foi-se fazendo a treva,
e veio o adeus. Pouco importa:
a folha que o vento leva,
quase sempre é folha morta...

OCTÁVIO BABO FILHO
Ao partires, mãe querida,
deixaste a imagem comigo:
nem durante toda a vida
eu te segui como sigo!
---------------------------------------------------------------------------------

2º TEMA: "LIVRE"  =  (trovas filosóficas)

VENCEDORES:     (por ordem alfabética)

DURVAL MENDONÇA
Pequena, humilde, sem pressa,
mas, dentro disso, perfeita,
a semente é uma promessa
que se cumpre na colheita.

ELTON CARVALHO
Se é tão modesta a bondade
que nem busca recompensa,
quem faz o bem por vaidade
não é tão bom quanto pensa...

IRACI NASCIMENTO E SILVA
Miséria não é castigo...
- Pior do que não ter pão
é não dispor de um amigo
no momento de aflição.

JOSÉ MARIA MACHADO DE ARAÚJO
Seria o mundo perfeito,
sem ódio, sem ambição,
se as mãos que batem no peito
batessem no coração!...

OCTÁVIO BABO FILHO
A paz verdadeira e pura,
que a consciência enobrece,
é a que sente a criatura
que, para subir, não desce.

MENÇÕES  HONROSAS:     (por ordem alfabética)

ALCY RIBEIRO SOUTO MAIOR     (duas trovas)
No fim da luta renhida,
uma certeza restou:
eu não enganei a vida,
a vida é que me enganou!

Na liberdade pensando,
exulto com alegria,
vendo um pássaro cantando
e uma gaiola vazia!

DURVAL MENDONÇA     (duas trovas)
Deus é uma eterna promessa,
colorida, palpitante,
não acaba, não começa,
mas se cumpre a todo instante.

Olho no espelho: meu rosto,
sombra triste e amargurada...
Soldado inútil no posto,
depois da guerra acabada...

MAGDALENA LÉA
Quando vejo um assassino,
um viciado, um ladrão,
eu adivinho um menino
a quem ninguém deu a mão...

OCTÁVIO VENTURELLI
Num esplêndido tesouro
que no espaço se projeta,
o sol é a moeda de ouro
com que Deus paga ao poeta!

ROMEU GONÇALVES DA SILVA
Liberdades oprimidas
são sementes incubadas
que,em terra fértil caídas,
vão explodir em floradas!

WALDIR NEVES     (duas trovas)
Na vida há dois galardões
que eu ostento com vaidade:
- ser livre de escravidões
e escravo da Liberdade!

Toda vez que a Consciência
contra nós move uma ação,
é total a procedência
e justa a condenação.

ZÉLIA VILLAS-BOAS
Não te insurjas contra a sorte
que te traz a alma ferida,
que dói muito mais que a morte
viver-se morto na vida.

MENÇÕES  ESPECIAIS:     (por ordem alfabética)

CORRÊA VILLELA     (duas trovas)
Foste, Jesus, libertado
do sepulcro para os céus,
mas ficaste sepultado
no coração dos incréus.

ELTON CARVALHO     (duas trovas)
Se é Deus que traça o caminho,
seja risonho ou de dor,
que culpa tem um espinho
de ser espinho e não flor?

Embora de bolso cheio,
a inveja não se contém:
põe olho no pouco alheio,
sem ver o muito que tem.

JOUBERT DE ARAÚJO SILVA     (duas trovas)
Aquela aranha paciente
que tece, despercebida,
lembra o destino da gente
e as armadilhas da vida...

Mal rompe o sol junto à serra,
vê-se o pobre, em sua lida,
curvado, cavando a terra...
na terra cavando a vida!

ROMEU GONÇALVES DA SILVA
Fibra: mulher que levanta
após na lama cair,
e, com ternura de santa,
faz o filhinho dormir.

VENTURELLI SOBRINHO
Tu, ó Bem, que em Deus avultas,
e tu, Mal, anjo proscrito,
sois duas forças ocultas
nos opostos do Infinito...

WALDIR NEVES     (duas trovas)
Deus que eu venero, a quem temo,
encerra, na sua essência,
tanto o mistério supremo,
como a suprema evidência.

Faze o teu bem na humildade,
sem o alarde que deslumbra.
- Mais luminosa é a bondade
que se oculta na penumbra.

--------------------------------------

3º TEMA:  "LIVRE"   (apenas trovas humorísticas)

VENCEDORES:     (por ordem alfabética)

ALCY RIBEIRO SOUTO MAIOR
Um parafuso exigente
rejeita a porca; e, em surdina,
nos confessa humildemente:
- Pavor da peste suína...

ELTON CARVALHO
Passa os dias em passeios
por lugar desconhecido,
quebrando os galhos alheios,
fabricando os do marido...

JOSÉ MARIA MACHADO DE ARAÚJO
É uma loura de lascar
minha secretária, a Elisa.
Só não sabe trabalhar,
mas eu pergunto: e precisda?

MAGDALENA LÉA
"É..." - diz a velha cegonha,
vendo a multidão crescente -
"e os homens não tem vergonha
de por a culpa na gente?"

MARIA NASCIMENTO SANTOS
Esperta e boa, a Gerusa,
que jamais fez nada à-toa,
é tão bondosa que abusa
do direito de ser boa...

MENÇÕES  HONROSAS:     (por ordem alfabética)

ALCY RIBEIRO SOUTO MAIOR
Um cara pôs na bebida
mais álcool do que limão.
Resultado: deu batida
de poste com caminhão...

CARLOS GUIMARÃES
Vendo o terceiro marido
morrer vítima de enfarto,
no quarto do falecido,
começa a pensar no "quarto"...

JOSÉ MARIA MACHADO DE ARAÚJO
Demitiram o Waldir
da chefia da seção,
por esquecer-se de rir
da piada do patrão!

JOUBERT DE ARAÚJO SILVA
Pra botar fogo na gente
é assim que a mulata faz:
- em cima estufa pra frente;
- em baixo, estufa pra trás!

OCTÁVIO BABO FILHO
Ante a vinda inesperada
da indesejável cegonha,
de susto morre a empregada,
morre o patrão... de vergonha!

MENÇÕES  ESPECIAIS:     (por ordem alfabética)

CÉSAR TORRACA
O Pa de Santo aplicado,
quando da terra partiu,
tinha o corpo tão fechado
que nem o legista abriu...

IVO DOS SANTOS CASTRO
Minha intenção ilusória
teve um desfecho infeliz:
eu tentei levá-la à glória,
porém a Glória não quis.

JOUBERT DE ARAÚJO SILVA
No seu eterno pernoite
a pecadora Maria,
com seu "pão" de cada noite,
ganha o pão de cada dia!

MAGDALENA LÉA
Será bom que se desista
pôr álcool em calhambeque:
já não basta o motorista,
vai ter carro de pileque?

MARIA NASCIMENTO SANTOS
O Vale banca o santeiro
e a sogra, mal humorada,
divulga no bairro inteiro
que o Vale não vale nada...
=================================
NOTA = esse material foi uma gentil contribuição do "Magnífico Trovador" IZO GOLDMAN, da UBT São Paulo/SP