TEMA:  "NUDEZ"  =  (trovas líricas, filosóficas, afins)

VENCEDORES:     (por ordem alfabética)

ANTONIO CARLOS TEIXEIRA PINTO - Niterói
Nas noites longas e frias
é que mais sinto a viuvez
destas mãos nuas, vazias,
buscando a tua nudez!

EDMAR JAPIASSÚ MAIA - RJ
Com olhares indiscretos,
seu corpo nu percorri,
no mais belo dos trajetos,
dentre os mais belos que vi...

JOÃO FREIRE FILHO - RJ
A saudade, sem disfarce,
me faz sonhar... de tal jeito,
que ainda sinto deitar-se
tua nudez... no meu leito!

SÉRGIO BERNARDO - Nova Friburgo
Se Deus, que é justo, nos fez
à Sua imagem sagrada,
prefiro crer que "a nudez
jamais será castigada"!

WALDIR NEVES - RJ
Teu corpo só meu, desnudo,
na penumbra morna e doce,
se na vida não é tudo,
é como se tudo fosse...

 

MENÇÕES  HONROSAS:     (por ordem alfabética)

ALBERTINA MOREIRA PEDRO - RJ
Que não corem teus sentidos,
quando sem roupa me vês,
pois Deus não nos fez vestidfos,
nem cobriu nossa nudez!

ALMERINDA LIPORAGE - RJ
Sem dúvida nem receios,
meu eu te entrego desnudo.
Se o fim justifica os meios,
o amor justifica tudo!

EDMAR JAPIASSÚ MAIA
Em teu olhar libertino,
que disfarças mas não mudas,
com meu olhar descortino
duas meninas... desnudas!

JOSÉ MARIA MACHADO DE ARAÚJO - RJ
Sem qualquer constrangimento,
podes ver toda a nudez,
desde que o teu pensamento
nunca ultrapasse o que vês...

NEY DAMASCENO - RJ
Tua nudez acarinho...
e, entre sutil e arrojado,
trilho o bendito caminho
que leva ao doce pecado!

 

MENÇÕES  ESPECIAIS:     (por ordem alfabética)

ADELIR MACHADO - Niterói
Se a nudez é a solidão,
bem melhor eu me componho:
Deus me empresta seu roupão
e de nada me envergonho.

ANTONIO CARLOS TEIXEIRA PINTO
Sem amor, sem lar, sem teto,
sem você, sem paz, sem vez...
Sem carinho, sem afeto:
- Uma completa nudez!...

JOSÉ MARIA MACHADO DE ARAÚJO
Se Deus, com amor profundo,
da rude argila nos fez,
e nos pôs nus neste mundo,
bendita seja a nudez!

NEY DAMASCENO
Ao contemplar tua imagem
como nasceste, eu insisto:
deixa, de vez, a roupagem,
que o belo é para ser visto!

WALDIR NEVES
Alcova em penumbra... Nua,
alva e grácil nos teus passos,
és como um raio de lua
que se entregasse aos meus braços...

--------------------------------------

TEMA:  "NUDEZ"   (apenas trovas humorísticas)

VENCEDORES:     (por ordem alfabética)

ALBERTINA MOREIRA PEDRO
A nudez... o povo mira,
mas, na atriz, nada há que preste,
e, em lugar do "Tira! Tira",
pede o povo: "Veste! Veste!"...

ANTONIO CARLOS TEIXEIRA PINTO
Na praia, passei-lhe um pito
e exigi nudez total.
- Se ela já era um "palito",
para que "fio dental"?

EDMAR JAPIASSÚ MAIA
Ante a nudez que ela ensaia,
pede, baixinho, o oculista,
que a cliente vista a saia
e saia, sem dar  na vista!

JOÃO FREIRE FILHO
Nua, a velhinha... E o doutor,
apalpando-a, se sentia
um velho pesquisador...
no campo da Arqueologia!

J. STAVOLA PORTO - Niterói
No futebol feminino,
sem interesse em mais nada,
só desejava, o cretino,
ver uma "boa"... "pelada"!...

 

MENÇÕES  HONROSAS:     (por ordem alfabética)

ALMERINDA LIPORAGE
Aposentado tão mal,
o vovô, por masoquismo,
foi trabalhar de fiscal
na colônia de nudismo.

ANTONIO CARLOS TEIXEIRA PINTO
Enquanto a velha exibia
a castigada nudez,
um velhote a descrevia:
"Senhores! Era uma vez..."

EDMAR JAPIASSÚ MAIA
Uma estilista afamada,
no atelier, nua em pelo,
foi pelo esposo flagrada,
quando "provava" um modelo!

JOÃO FREIRE FILHO
Minha sogra não se manca,
em nudez quase total...
Nunca vi tanta pelanca
cobrindo um fio-dental!

WALDIR NEVES
O esperto pintor atua
num clima de integração:
- a modelo posa nua
e ele pinta... "peladão"!

 

MENÇÕES  ESPECIAIS:     (por ordem alfabética)

ADELIR MACHADO
A caveira, pensativa:
- Nudez assim ninguém sonha;
no tempo em que eu era viva,
não tinha tanta vergonha!

ANTONIO BISPO DOS SANTOS - Niterói
Apaixonado, o Valdez
deu à bela o seu castelo.
Depois que viu a nudez,
notou que a bela era um "belo"!

P. DE PETRUS
Para o "nu" duma revista,
ao "posar", a prima Gal,
com vergonha, encobre a vista,
mas descobre o 'principal"!

SÉRGIO BERNARDO - Nova Friburgo
Ante a serpente, o nudista,
fazendo cara de mau,
pega um toco e não despista:
mata a cobra e mostra o pau!

WALDIR NEVES
De gravata no pescoço,
o nudista se exibia.
E explicava, ante o alvoroço,
que é doido por simetria.

------------------------------------------------------------------------------
NOTA = esse material foi uma gentil contribuição do "Magnífico Trovador" IZO GOLDMAN, da UBT São Paulo/SP