ÂMBITO NACIONAL - LÍRICAS/FILOSÓFICAS = TEMA:  "TERNURA"

1º lugar: CAROLINA RAMOS - Santos
Tão velhinhos!... A ternura
mais cresce a cada janeiro...
e hesita a morte, insegura:
- Qual dos dois levar primeiro?!

2º lugar: EUGÊNIO MORATO - Belo Horizonte
Fácil falar em ternura,
quando se trata de amor...
Difícil é, na amargura,
ser terno, dentro da dor...

3º lugar: J. G. DE ARAÚJO JORGE - Brasília/DF
São domo bilros os dedos
em doce e suave labor,
entrelaçando segredos...
ternura - renda do amor!

4º lugar: ELTON CARVALHO - Rio de Janeiro
Ternua... choramos tanto:
- Teus olhos fitos nos meus,
havia adeus no teu pranto
e pranto no meu adeus!

5º lugar: CARLOS GUIMARÃES - Rio de Janeiro
A ternura do meu beijo
em vão ocultar procura,
este meu louco desejo
de beijar-te sem ternura...

MENÇÕES   HONROSAS:

6º lugar: EUGÊNIA MARIA RODRIGUES - Rio Novo
Uma ternura me invade
e não fujo, embora tente,
dos retalhos de saudade,
nos remendos do presente...

7º lugar: CAROLINA RAMOS
Quando, cheia de ternura,
mesmo a feia mão calosa
pode ter tanta brandura
quanto a pétala de rosa!

8º lugar: CAROLINA RAMOS
Um filho... um neto... e se estua
a nossa vida, envolvida
num sonho que continua
na ternura de outra vida!

9º lugar: LUIZ DE CARVALHO RABELO - Natal
Foi ao criar a "ternura",
que Deus, sabendo-a tão mansa,
colocou-a, ingênua e pura,
nos olhos de uma criança!...

10º lugar: GRAZIELLA LYDIA MONTEIRO - Belo Horizonte
Na madrugada indormida,
juntei ternura aos pedaços;
cada remendo da vida,
tinha linha de teus traços...

11º lugar: CÉLIO GRÜNEWALD - Juiz de Fora
Vale mais, na vida impura,
para as crianças de agora,
um minuto de ternura,
que os conselhos de uma hora!

12º lugar: IZO GOLDMAN - São Paulo
Diz meu neto, com voz doce,
onde a ternura desponta:
- Que bom que este mundo fosse
o Mundo do Faz-de-Conta!...

13º lugar: J. G. DE ARAÚJO JORGE
Primeiro, o amor nos alcança,
nos consome a todos dois;
depois, a calma, a bonança...
ternura... é o que vem depois...

14º lugar: WALTER WAENY - Santos
Tendo estado, há muito, ausente,
com ternura olhando tudo,
é como se a alma da gente
tivesse mãos de veludo!

15º lugar: WALTER WAENY
Ao coração palpitante
que ama em vão, com tanta lida,
a ternura de um instante
faz, de um instante, uma vida!

MENÇÕES   ESPECIAIS:

16º lugar: APRYGIO NOGUEIRA - Pouso Alegre
Ternura - ponte afetiva
construída de calor,
que serve, quando se avisa,
de passagem para o amor.

17º lugar: MARILDA LADEIRA - Juiz de Fora
Teus olhos têm a meiguice
de uma ternura invulgar,
que, nem a própria velhice
conseguiu modificar...

18º lugar: J. G. DE ARAÚJO JORGE
Ternura... sonho... bonança...
aragem pela ramadas...
ninho de amor que balança.
em duas mãos enlaçadas!

19º lugar: FLÁVIO BELLEGARDE NUNES - Taubaté/SP
Olhos lindos, amendoados,
de ternura sem igual,
são o mal dos meus pecados,
são remédios do meu mal!

20º lugar: EUGÊNIA MARIA RODRIGUES
Não choraria a amargura,
neste mundo de homens vis,
se em nós florisse a ternura
de um São Francisco de Assis!

21º lugar: J. G. DE ARAÚJO JORGE
Nosso amor já foi loucura,
arroubos da mocidade.
Hoje é somente ternura,
com leves tons de saudade!

22º lugar: CAROLINA RAMOS
Na ternura dos teus braços,
desconando horas perdidas,
vivo séculos de abraços
e beijos de muitas vidas!

23º lugar: PADRE NEWTON PIMENTA - Juiz de Fora
Sol das almas: tarde linda;
trás os montes, o sol desce...
mais um dia que se finda
na ternura de uma prece!

24º lugar: FRANCISCO ASSIS MENEZES - Porangatu/GO
Vendo o mundo sem brandura,
só cogitando da guerra,
tenho medo que a ternura
fuja da face da Terra.

25º lugar: DIAS MONTEIRO - Taubaté
Se o inimigo te procura,
vai de encontro à sua mão!...
Quanta paz, quanta ternura,
há num gesto de perdão!

26º lugar: WILSON DANTAS - Natal
Com ternura é que a alvorada,
vestida em branca cambraia,
se espreguiça, apaixonada,
no leito branco da praia.

27º lugar: EUGÊNIA MARIA RODRIGUES
Vivo um desgosto profundo!
Um contraste me apavora:
- Há ternura no meu mundo,
há falta de amor lá fora!...

28º lugar: CÉLIO GRÜNEWALD
Para a criança que chora,
a ternura de um segundo
é como o surgir da aurora
nas noites negras do mundo!
29º lugar: CAROLINA RAMOS
Versejas... contenho o amor,
numa ternura discreta,
me esquecendo de compor,
por ver compor meu poeta!

30º lugar: JOSÉ COELHO DE BABO - Nova Friburgo
A doença, malandrice
da criança abandonada,
tem a cura na meiguice
que a ternura tem guardada.
---------------------------------------------------

ÂMBITO NACIONAL - HUMORÍSTICAS = TEMA  LIVRE"

1º lugar: CARLOS GUIMARÃES
Ao ver a loura passar,
diz um preto muito vivo:
- espero ainda, encontrar
esse "troço" em negativo!...

2º lugar: WILSON MONTEMÓR - Resende/RJ
Que lindo!... Diziam elas,
beijando-me muitas vezes...
e eram tão jovens e belas...
mas, eu só tinha seis meses!...

3º lugar: FRANCISCO ASSIS MENEZES
Num forte comício em Lemos,
as moças põem-se a gritar:
- É "Nenê" que nós queremos!
E os rapazes: - Vão ganhar!

4º lugar: DIAS LOPES DE ALMEIDA- Vila Nova de Gaia/Portugal
Quem para velho se guarda,
pra casar, é toleirão:
- Que vale ter a espingarda,
se lhe falta munição?

5º lugar: CLÓVIS BRUNELLI - Americana/SP
E todo mundo se espanta,
por minhas preces ao léu:
- Deus, minha esposa é uma santa,
leva esta santa pro céu!

MENÇÕES   HONROSAS:

6º lugar: WALTER WAENY
Usa a mulher à porfia,
minissaia, microssaia,
e não vai tardar o dia
em que ela saia, sem saia...

7º lugar: JOSÉ AUGUSTO RITTES - Atibaia/SP
Um amigo biologista,
perito em meio-ambiente,
inclui sogra em sua lista,
como fator poluente!

8º lugar: DURVAL MENDONÇA - Rio de Janeiro
Minha vida está tão cheia
de vazios por encher,
que, quando um chato chateia,
até que me dá prazer!

9º lugar: RODOLPHO ABBUD - Nova Friburgo
Muito egoísta e exigente,
de tudo tira partido...
- e sempre exige um presente,
nas ausências do marido!

10º lugar: JOSÉ VALERIANO RODRIGUES - Belo Horizonte
Uma negra sem-vergonha,
que traíra o seu negrinho,
inventou uma cegonha
que traz menino branquinho!

11º lugar: CARLOS GUIMARÃES
Minha sogra sempre anota
meus atrasos num caderno:
- Se esta "coroa" empacota,
vai ser porteira do inferno!

12º lugar: CARLOS GUIMARÃES
Por bigamia, garanto,
castigo do céu não logras:
- deve ter honras de santo,
quem aturou duas sogras!

13º lugar: IZO GOLDMAN
Minha sogra está doente
e o diabo, apavorado:
- se ela morre de repente,
ele está desempregado!...

14º lugar: CÉSAR TORRACA - Rio de Janeiro
Ela é nova e ele velhinho...
e veio um par de rebentos...
- curioso é que, ao vizinho,
não faltaram cumprimentos...

15º lugar: CARLOS GUIMARÃES
Já pronto para o transplante,
pergunta, aflito, o ancião:
- Fico em forma, doutor Dante,
só trocando o coração?

MENÇÕES   ESPECIAIS:

16º lugar: WILSON MONTEMÓR
Na sessão de "descarrego"
o ambiente foi tão pesado
que até mesmo muito nego
saiu dali carregado...

17º lugar: PAULO EMÍLIO PINTO - Belo Horizonte
Sempre que o Dr. Clemente
fazia uma operação,
o coveiro, previdente,
ficava de prontidão!

18º lugar: MANOEL MARTINS O. COSTA - Juiz de Fora
Raimunda, sem comentários...
tem balanços tão fecundos,
que até seus fundos bancários
já tem excesso de fundos!

19º lugar: CARLOS GUIMARÃES
Ao vê-la na cova, inerme,
roliça como um presunto,
disse um verme a outro verme:
- Que abundância de defunto!

20º lugar: VASQUES FILHO - Fortaleza
Aquela dama, apontada
no rol das mais elegantes,
tem coleção requintada
de esmeraldas e di...amantes!

21º lugar: PAULO EMÍLIO PINTO
Em entreveros de amor,
ela passou a existência,
mas, sempre orando ao Senhor,
com ar de santa inocência!

22º lugar: FRANCISCO ASSIS MENEZES
E o guri, com a mãe de lado,
pergunta, inocente, ao pai:
- Quem é o cara mascarado
que vem, quando o senhor sai?

23º lugar: WALTER WAENY
No amor, as mulheres agem
com perspicácia tremenda!
- A redução da embalagem
torna mais fácil a venda...

24º lugar: GRAZIELLA LYDIA MONTEIRO - Belo Horizonte
Solteirona, a infeliz
viu sua casa assaltada;
ladrão levou o que quis,
menos a pobre coitada!

25º lugar: CÉSAR TORRACA
Cantou muito bem, embora
saísse todo quebrado,
pois cantou uma senhora
que tinha o marido ao lado!

26º lugar: CÉSAR TORRACA
O Anedotário horroroso
que ele repete em torrente,
é do tempo em que o famoso
Mar Morto estava doente!

27º lugar: CÉSAR TORRACA
Se o marido chega tarde,
em silêncio, sem tropel,
é a mulher quem faz o alarde,
com seu rolo de pastel!

28º lugar: CÉSAR TORRACA
Foi crime de sedução,
e o delegado, possesso,
recomendou que o escrivão
ajuntasse a arma ao processo!

29º lugar: CÉSAR TORRACA
Diz a vacina, zangada:
- No braço eu não vou gostar;
fico mal acomodada;
é melhor outro lugar!

30º lugar: CÉSAR TORRACA
O maiô que, por acaso,
veste a jovem modernista,
foi comprado a longo prazo,
porém, deixa tudo à vista!
---------------------------------------------------

CONCURSO ESPECIAL PARA "MAGNÍFICOS TROVADORES"

TEMA: "ASA"  =  (líricas/filosóficas)

1º lugar: ELTON CARVALHO
São os mais bravos dos bravos,
na história da Humanidade,
os que se fazem escravos
das asas da Liberdade!

2º lugar: ELTON CARVALHO
Na marcha sem fim dos mundos,
vai o tempo sem idade,
sobre as asas dos segundos,
no rumo da Eternidade...

3º lugar: CAROLINA RAMOS
Sem o amor que bane a guerra
e tantas bênçãos nos traz,
jamais roçarão da terra
as asas brancas da paz!

4º lugar: CARLOS GUIMARÃES
Quando a mulher, seu amor
transforma em louca paixão,
ganha as asas de um condor
ou rasteja pelo chão!

5º lugar: ELTON CARVALHO
No vazio desta casa,
que tua ausência produz,
sou ave que não tem asa,
sou candeeiro sem luz!...

MENÇÕES   HONROSAS:

6º lugar: CARLOS GUIMARÃES
Em busca de paz e calma,
nas asas de uma oração,
sobe até Deus a minha alma,
nos momentos de aflição...

7º lugar: CAROLINA RAMOS
A olhar o horizonte eu penso:
- Deus pôs tão alto a ventura;
deu-me asas de um sonho imenso,
mas prendeu-me na planura!

8º lugar: CARLOS GUIMARÃES
Tuas mãos finas, morenas,
que afagos trazem consigo,
são duas asas pequenas,
que em minhas mãos eu abrigo.

9º lugar: HELVÉCIO BARROS
Asa de rotas perdidas,
quantos sonhos vais levando...
- se levas mil despedidas,
mil saudades vais deixando...

10º lugar: DURVAL MENDONÇA
Asas enormes, possantes,
voa o Concorde e se vai...
- Ele é filho de um gigante:
- Santos Dumont foi seu pai!

11º lugar: DURVAL MENDONÇA
Asas de paz, sempre abertas,
num gesto bom de clemência,
cobrindo as horas incertas
de cobiça e prepotência...

12º lugar: ELTON CARVALHO
Se, buscando os grandes feitos,
os empecilhos destróis,
tens as asas dos eleitos
e a bravura dos heróis!

13º lugar: DURVAL MENDONÇA
Quando busco em tua casa,
o calor do teu carinho,
busco a ternura da asa,
no doce abrigo de um ninho!

14º lugar: HELVÉCIO BARROS
Instrui-te a cada momento,
das trevas arranca o véu,
que as asas do pensamento
sobem às portas do céu!

15º lugar: ELTON CARVALHO
Quem foge se afoga em ânsia,
sem achar felicidade,
porque as asas da distância
conduzem sempre à saudade...

MENÇÕES   ESPECIAIS:

16º lugar: CARLOS GUIMARÃES
Que importa o meu dia-a-dia
seja de mágoa e tristonho:
- nas asas da poesia
vivo momentos de sonho...

17º lugar: CARLOS GUIMARÃES
Quando a tarde mansa cai
e eu me encontro a rezar,
põe asas minha alma, e vai
tua alma gêmea buscar!

18º lugar: CAROLINA RAMOS
Santos Dumont, é profundo
este desgosto que calas:
- Asas de paz deste ao mundo,
mas ele não soube usá-las!

19º lugar: CARLOS GUIMARÃES
Sonho ver o homem capaz
de banir do mundo a guerra
e estender a asa da paz
em cada canto da terra!

20º lugar: CARLOS GUIMARÃES
No momento em que o sol posto
separa a noite do dia,
sinto roçarem meu rosto
as asas da nostalgia!

21º lugar: CARLOS GUIMARÃES
Na solidão sem remédio
vejo, a remoer agonias,
a asa cinzenta do tédio
encher de sombras meus dias...

22º lugar: HELVÉCIO BARROS
Não chegarás às estrelas
com as asas da ambição...
poderás, de perto, vê-las
com os olhos do coração!

23º lugar: ELTON CARVALHO
Sou nau de leme partido,
ao sabor do vendaval,
que a vida perde o sentido,
sem as asas do ideal.

24º lugar: CAROLINA RAMOS
Sem temor, nem desalento,
prossegue sempre a sonhar,
que as asas do pensamento
só a morte pode fechar.

25º lugar: CAROLINA RAMOS
Dumont, num queixumes arrancas,
porque a mágoa não perdoas:
deste ao homem, asas brancas,
e ele, de sangue, manchou-as!

26º lugar: CARLOS GUIMARÃES
Asa de prata, deixada
por algum anjo do céu,
a lua, de madrugada,
caminhando vai, ao léu...

27º lugar: CARLOS GUIMARÃES
Tua renúncia eu aceito
e, em doce tranquilidade,
o céu da distância enfeito,
com mil asas de saudade...

28º lugar: DURVAL MENDONÇA
Quando estou na solidão,
as asas da fantasia
carregam meu coração
para o mundo da poesia.

29º lugar: CARLOS GUIMARÃES
Meio tonto de desejo,
beijo o teu beijo risonho
e, nas asas desse beijo,
chego à fronteira do sonho!

30º lugar: HELVÉCIO BARROS
Neste recanto risonho
de paz e serenidade,
vibro nas asas do sonho...
canta, na voz da saudade...
-----------------------------------------------------------

ÂMBITO MUNICIPAL = TEMA: "RENÚNCIA"  =  (líricas/filosóficas)

1º lugar: MÁRIO LUIZ RIBEIRO
Quanto menino na rua,
a desfilar os seus ais,
usa a coberta da lua,
pela renúncia dos pais!...

2º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
A lágrima que cai, morna,
do frio dos olhos teus,
é uma renúncia que adorna
a dor que mora nos meus.

3º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
Renúncia, um grito que clama,
sem eco, sobre este mundo!...
É como um sol que se inflama
sobre um pântano infecundo!

4º lugar: SEBASTIÃO TORRES DE LIMA
Amar... é felicidade!
É ternura... é bom demais!
- Quem tem amor de verdade,
renuncia a tudo mais!

5º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
Quanta renúncia persiste,
depois do fim de um amor!...
- Como o perfume, que existe,
depois da morte da flor!

MENÇÕES   HONROSAS:

6º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
renúncia que a brisa canta,
nos laivos da madrugada,
vem, no silêncio que encanta,
trazer saudades de nada...

7º lugar: BEATRIZ A. NETTO
Renúncia, palavra dura,
no coração se debruça:
- por ódio, como tortura!
- por amor, como soluça!...

8º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
Pela estrada em que caminha
a solidão, sem parar,
a renúncia vem, mansinha,
falar de amor... sem chorar...

9º lugar: MÁRIO LUIZ RIBEIRO
Por renúncia e verdade,
que Cristo deixou na Terra,
o homem planta a maldade
e colhe o fruto da guerra!

10º lugar: MÁRIO LUIZ RIBEIRO
Perfil de renúncia eu trago
em traço firme e ligeiro;
a tinta é a dor do palhaço,
o papel é o picadeiro.

11º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
Destroços que vão boiando
nos mares do meu enfado,
são renúncias se afogando
nas mágoas do meu passado...

12º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
Renúncia, teu sonho vago,
na solidão do meu mundo:
- são mãos que não tem afago;
... saudades que calam fundo...

13º lugar: BEATRIZ A. NETTO
A renúncia por amor
é um gesto nobre,sublime,
que a culpa, seja qual for,
de certa forma, redime.

14º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
Tanto tempo faz, meu Deus,
que só me lembro de nós:
- Teus olhos fitando os meus,
numa renúncia sem voz...

15º lugar: MÁRIO LUIZ RIBEIRO
Na renúncia desta vida,
um velho, de olhos tristonhos,
parece ser a guarida
da sepultura dos sonhos...

MENÇÕES   ESPECIAIS:

16º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
Canta a brisa: AVE MARIA!
Bate o sino... a noite vem,
e, orando ao final do dia,
a renúncia diz: ... Amém!

17º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
Na terra do coração,
onde esta dor vi plantar,
só falta o sol do perdão,
para a renúncia brotar!

18º lugar: MÁRIO LUIZ RIBEIRO
Ao fazer um verso triste
cantando somente a dor,
minha renúncia consiste
em não ser mais trovador.

19º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
A paz que buscas num pranto
de insônia e de solidão,
dorme em seu berço de encanto,
entre a renúncia e o perdão.

20º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
Vai, minha paz, vai cantando
meus versos de uma saudade.
Leva-os contigo, até quando
a renúncia... for verdade!

21º lugar: MÁRIO LUIZ RIBEIRO
Quanta lágrima sentida
rolando leve na face,
é beijo de despedida...
é uma renúncia que nasce...

22º lugar: MARIA CONCEIÇÃO P. BASTOS
Eu não gosto de me olhar
no espelho dos olhos teus,
pois vives a te mirar
só na renúncia dos meus...

23º lugar: BEATRIZ A. NETTO
Lutei contra a correnteza,
machuquei meu coração.
Cheguei à triste certeza
que renúncia é solidão.

24º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
Os ecos que vêm rolando,
nos cantos da liberdade,
são como vozes, cantando
a renúncia da saudade...

25º lugar: MÁRIO LUIZ RIBEIRO
Nas altas horas da noite,
quando a vida recomponho,
remorso se faz açoite,
na renúncia de meu sonho...

26º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
Meus versos, pelas estradas,
pejados de mocidade,
são renúncias desfolhadas
num rosário de saudades.

27º lugar: MÁRIO LUIZ RIBEIRO
Saudade é pranto escondido,
que escorre dentro de nós;
- Renúncia do amor sentido,
que se fez espinho atroz.

28º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
À noite, se a lua tem
este ar de medo e ansiedade,
é uma renúncia que vem
vestida em véus de saudade.

29º lugar: MÁRIO LUIZ RIBEIRO
Quando não quer mais boneca,
nem brincar de "pegador",
com a renúncia da peteca,
brinca a menina... de amor!

30º lugar: MARGARIDA COELHO
Na renúncia em prol dos filhos,
as mães encontram ventura,
canarolando estribilhos,
num embalar de ternura.
---------------------------------------------------------------

ÂMBITO MUNICIPAL = TEMA  LIVRE:  =  (humorísticas)

1º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
O porco cordou suando,
pois teve um sonho confuso:
- Sonhou que estava morando
com a porca... de um parafuso!

2º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
Tinha feijoada na janta
e não tinha prato raso.
E ele ficou como planta:
- Depois, não saiu do vaso!

3º lugar: MÁRIO LUIZ RIBEIRO
Nas tuas curvas "beleza",
há perigo e a gente nota,
e, nelas, tenho certeza,
nem "Fittipaldi"... capota!...

4º lugar: MÁRIO LUIZ RIBEIRO
Às vezes eu me atrapalho,
com um pensamento maroto:
- Por que é que "broto" dá galho,
e este, nem sempre dá broto?!

5º lugar: BEATRIZ A. NETTO
- Cuidado, veja a garrucha!
Muito cuidado - aconselho -
você vai matar a bruxa,
atirando... em seu espelho!

MENÇÕES   HONROSAS:

6º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
O velhinho disse a ela:
- Minha velha, estou gamado!...
Meu coração por ti gela!
... e gelou: - morreu pelado!...

7º lugar: MÁRIO LUIZ RIBEIRO
Procurei,meses a fio,
por alguém muito sabido,
para saber se é "sadio"
um frango "bem abatido"!

8º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
A dona caiu no rio,
mas a amiga, valentona,
tirou-a da água, com brio!
- Deu a vida pela dona!...

9º lugar: LUIZ MONTEZI EVANGELISTA
O galo, de madrugada,
se assanhou pela galinha,
mas a galinha, chocada,
jurou não perder a linha!

10º lugar: MÁRIO LUIZ RIBEIRO
Vendo o moço correr tanto,
julguei ser um campeão,
mas, foi grande o meu espanto
quando ouvi: - Pega o ladrão!

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
NOTA = esse material foi uma gentil contribuição do "Magnífico Trovador" IZO GOLDMAN, da UBT São Paulo/SP