ÂMBITO NACIONAL / INTERNACIONAL
TEMA = "ESTRADA"

VENCEDORES (por ordem alfabética)

Nem toda estrada é um perigo
mas algumas dão revolta.
A estrada da droga, amigo,
essa vai, mas não tem volta...
ANALICE FEITOSA DE LIMA - SÃO PAULO

Procure espalhar, na vida,
alegria em sua estrada,
que a alegria dividida
é sempre multiplicada!
DOMITILLA BORGES BELTRAME - SÃO PAULO

Vou pela estrada da vida
ajudando meus irmãos,
que há muita mão estendida
precisando de outras mãos!
IZO GOLDMAN - SÃO PAULO

Na estrada da soledade
o rastro de um sonho antigo
deu rumo certo à saudade,
que hoje caminha comigo...
J. STAVOLA PORTO - NITERÓI

Na estrada, a perder de vista,
não vou caminhando a esmo:
cada passo é uma conquista
para o encontro de mim mesmo!
JOSÉ ROBERTO PEREIRA DE SOUZA - BAURU

Quem tem féna sua estrada
e segue com Deus à frente,
enfrenta qualquer cilada,
sabe ser sábio e pudente!
MARIA THEREZA CAVALEHIRO - SÃO PAULO

Quem vive sem fazer nada
sentado à beira da pista,
come a poeira da estrada
de quem vai para a conquista!
MAURO MACEDO DE COIMBRA - JUIZ DE FORA

O tropeiro, alma sombria,
vê no progresso um vilão
que transforma em rodovia
a velha estrada de chão!
PEDRO ORNELLAS - SÃO PAULO

Mesmo em pleno temporal,
em chuva mansa ou geada,
quem sonha e tem ideal
caminha em qualquer estrada!
ROBERTO RESENDE VILELA - POUSO ALEGRE

Se a mãe, através do amor,
traz no olhar perene brilho,
é para que a própria dor
não turve a estrada do filho.
WANDIRA FAGUNDES QUEIROZ - CURITIBA
=========================================

ÂMBITO REGIONAL = TEMA "BRISA"

VENCEDORES (por ordem alfabética)

Quando a brisa o quarto invade
e acarinha os meus cabelos,
eu me lembro com saudade
de minha mãe, os seus desvelos.
ANGÉLICA VILLELA SANTOS - TAUBATÉ

O que o amor realiza
é de fato surpreendente:
age em nós qual suave brisa
e faz bem a toda gente.
AMILTON MACIEL MONTEIRO - SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

Não tema a selvageria
de tudo o que aterroriza;
para quem em Deus confia,
qualquer vendaval é brisa.
ARGEMIRA FERNANDES MARCONDES - TAUBATÉ

Alegre, meiga, estouvada,
em constante movimento,
tão inconseqüente e amada,
a brisa é a infância do vento...
ÉLBEA PRISCILA DE SOUSA E SILVA - CAÇAPAVA

Quem de brisa quer viver,
ao ócio é bem chegado.
Precisa, porém, saber
que o trabalho é abençoado...
GERALDO PAZ VIDAL - CARAGUATATUBA

Quem me dera a brisa ser
para o teu rosto tocar,
sentindo o terno prazer
de tua face beijar.
HUGO DI DOMÊNICO - TAUBATÉ

Se o vendaval da paixão
causa estragos, é verdade
que depois, no coração,
sopra a brisa da saudade...
JOÃO PAULO OUVERNEY - PINDAMONHANGABA

Amo a brisa da saudade,
que afagou meus ideais.
Mas dos sonhos, na verdade,
só restaram vendavais.
JOEL HIRENALDO BARBIÉRI - TAUBATÉ

Quando Deus pintava a tela
que criou com perfeição,
soprou a brisa na vela
do barco da criação.
JOSÉ GUARANY RODRIGUES - PINDAMONHANGABA

Quem de utopias precisa
para algum sonho alcançar?
Basta dar rédeas à brisa
e aprender a galopar!
JOSÉ OUVERNEY - PINDAMONHANGABA

A brisa abranda o calor,
tal qual um sopro divino
que abana a formosa flor,
sem estragar seu destino
MARIA ARLINDA DOS SANTOS - TAUBATÉ

Brisa suave... carícias
feitas às ondas do mar.
Estas, calmas, em milícias,
vão à praia descansar!
MARIA MARLENE N. TEIXEIRA PINTO - TAUBATÉ