HERANÇA POÉTICA
Colaboração de Maria Thereza Cavalheiro)
 
           TROVAS SOBRE a “FESTA ANUAL DAS ÁRVORES” - setembro/2015

 
     Embora, pela tradição, o “Dia da Árvore” continue a ser comemorado em 21 de setembro, houve um Decreto, de 24-2-65, sob o nº 55.795, do presidente Castelo Branco, que instituiu em seu lugar a “Festa Anual das Árvores”, a qual, em alguns Estados do Brasil, é realizada à entrada da primavera.

     Por esse Decreto, em razão de nossas diferentes características fisiográfico-climáticas, a “Festa Anual das Árvores” é comemorada no território nacional em duas épocas diferentes: na última semana de março, nos Estados do Acre, Amazonas, Pará, agora também Tocantins, Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, Amapá, Roraima e Rondônia. Na semana com início em 21 de setembro, nos Estados do Espírito Santo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, agora também Mato Grosso do Sul, São Paulo, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Distrito Federal.

     No Brasil, a primeira “Festa da Árvore” ocorreu na cidade de Araras-SP, em 7 de junho de 1902, e os introdutores da ideia foram os Drs. João Pedro Cardoso e Alberto Loefgren.

A propósito da data, evoquemos alguns poetas, já falecidos, que, entre outros 100, tiveram suas trovas incluídas em nossa “Nova Antologia Brasileira da Árvore”, de 1974, (esg.) :
 
 

Bem fazer nunca se perde,
não se perde o bem fazer...
Semeai o campo verde,
mesmo para outro colher...
ADALZIRA BITTENCOURT
 
É verde o manjericão,
é branco o jasmim-do-cabo;
mas a feia ingratidão
é negra como o diabo!
ALICE DE PAULA MORAES
 
Parti do Norte, chorando!
Que coisa triste, meu Deus! ...
Eu vi o mar soluçando
e o coqueiral dando adeus! ...
APARÍCIO FERNANDES
 
A bela árvore gigante,
que enfeita os campos do Sul,
dizem provir do incessante
trabalho da gralha azul.
BARRETO COUTINHO
 
Plantai, como os lavradores,
para os homens, para os brutos;
enchei a terra de flores,
enchei a terra de frutos!
BENEDITO R. ARANHA
 
Are o chão, plante a semente
e dê à planta, agasalho.
Dela virão certamente
os frutos do seu trabalho.
CAROLINA AZEVEDO DE CASTRO
 
Na humilde escola, almas santas,
lembram certos professores
o destino dessas plantas
que envelhecem dando flores!
DAVID DE ARAÚJO
 
Nasce uma planta. Em seguida,
vem a flor... surge a semente...
e, no milagre da vida,
surge a vida novamente...
DURVAL MENDONÇA
 
Deus é a essência indefinida,
milagrosa e permanente,
que faz transformar em vida
o nada de uma semente.
ELTON CARVALHO
 
Toda a terra te bendiga
pelos teus serviços mil.
Foste tu, árvore amiga,
que deste nome ao Brasil!
FERNANDES SOARES
 
As árvores calcinadas,
com negros braços abertos,
protestam contra as queimadas
causadoras de desertos.
GABRIEL VANDONI DE BARROS
 
Deus, em dádiva incontida,
deu à terra, com ternura:
- A planta, sangue da Vida!
- A chuva, mãe da fartura!
HELVÉCIO BARROS
 
Chuva fina, eu te bendigo,
com teu jeito de tristeza;
és a alegria do trigo,
que põe fartura na mesa.
JACY PACHECO
 
Planta uma árvore e repara
o exemplo que ela oferece:
vai dar fruto à mão avara
e sombra a quem não merece.
JOSÉ VALERIANO RODRIGUES
 
A primavera chegou!
Quanta luz, flores, beleza!
É o riso que Deus botou
nos lábios da natureza!
LEOPOLDINA DIAS SARAIVA
 
Se ouvisse o homem da terra
de Deus o conselho amigo,
em vez de campos de guerra
faria campos de trigo.
LILINHA FERNANDES
 
Às vezes, o mar, bravio,
dá-nos lição engenhosa:
afunda um grande navio,
deixa boiar uma rosa...
LUIZ OTÁVIO
 
Jogada à terra e esquecida,
 a semente, no embrião,
colhe a seiva e ganha a vida:
é o grito verde do chão! 
MANITA
 
Retrata um ramo florido
o gesto amável da oferta:
o ramo é um braço estendido,
e a mão, uma rosa aberta!
ORLANDO BRITO
 
Faze o bem. Depois, esquece,
pois a bondade, a rigor,
é como a planta: floresce
pelo prazer de dar flor...
WALTER WAENY