2º Concurso Une Versos
www.trovauneversos.com

Resultado do 2º Concurso Une Versos -

Resultado Estadual – Tema "Afeto"

[VENCEDORES]

1º Lugar (trova Ouro) – Zé Lucas de Barros
Em minha infância inocente,
teu afeto, mãe querida,
desenhou-me fielmente
o lado belo da vida!

2º Lugar (trova Prata) – Mara Melinni Garcia
Ó, mãe... teu afeto é tanto,
tão angelicais teus traços...
que a vida tem mais encanto
na doçura dos teus braços!

3° Lugar (trova Bronze) – Ieda Lima
Ai, meu Deus, que bom seria!...
e como seria doce
ter afeto, todo o dia,
mesmo um pouquinho que fosse...
----------------------------------------------------

[MENÇÕES HONROSAS]

4º Lugar – Marcos Medeiros
Afeto, palavra amena,
à semelhança do amor,
está sempre em cada cena
da vida do trovador.

5º Lugar – Professor Garcia
Por falta de amor... de afeto,
eu vejo a cada segundo:
Viaduto servir de teto
e abrigo, ás mágoas do mundo!

6º Lugar – Zé Lucas de Barros
No meu rancho, pobre teto,
o chão era a cama e a mesa,
mas fui tão rico de afeto,
que nem falava em pobreza.
---------------------------------------------------

[MENÇÕES ESPECIAIS]

7° Lugar – Professor Garcia
São tantos afetos, tantos
fervilhando entre nós dois;
que em dores, mágoas e prantos,
só pensaremos depois.

8º Lugar – Eva Yanni Garcia
Senti, no aroma da flor,
um doce afeto: a leveza
da mão de Deus, com amor,
perfumando a natureza!

9º Lugar - Juca de Magnólia
Até num humilde ninho,
sente-se o fato concreto:
um pequeno passarinho,
cobrindo os filhos de afeto.

10° Lugar – Mara Melinni Garcia
Senti o afeto embalando
aquela linda criança...
no abraço da mãe, ninando,
o seu sonho de esperança!
=================================
+++++++++++++++++++++++++++++++++

Nacional / Internacional – Tema "Abismo"

[VENCEDORES]

1º Lugar (trova ouro) - Maria Emília Leitão Medeiros Redi /SP
Quem vive a vida trancado
na escravidão do egoísmo
carrega um fardo pesado
e cava seu próprio abismo!

2º Lugar (trova Prata) – Francisco Pessoa /FortalezaCE
A vida nos faz capazes
de viver num dualismo:
ora momentos de oásis,
ora momentos de abismo!

3° Lugar (trova Bronze) - José Ouverney /Pindamonhangaba/SP
Pode a noite estar repleta
de trevas, que eu não me oponho:
poeta, quando é poeta,
rasga o abismo... e impõe seu sonho.
--------------------------------------------------------------

[MENÇÕES HONROSAS]

4º Lugar – Renato Alves /RJ
Ter fé, amor, otimismo
e uma inabalável crença
nos faz saltar sobre o abismo
de qualquer indiferença!

5º Lugar – Dilma Suera /RJ
Nosso abismo mais profundo
que no universo se espalma,
são as tristezas do mundo
nas profundezas da alma!

6º Lugar - Ialmar Pio Schneider /RS
Por que conviver assim,
se não nos queremos mais?!:
Hoje um abismo sem fim
mata os nossos ideais.
--------------------------------------------------------------

[MENÇÕES ESPECIAIS]

7° Lugar - Miguel Russowsky /Joaçaba/SC
O tamanho dos abismos
que puseste em nossas vidas,
não se mede em algarismos
mas em lágrimas vertidas.

8º Lugar - Carlos Alberto De Assis Cavalcanti /PE
Há com certeza um abismo
que separa a humanidade:
é quando a lei do egoísmo
supera a lei da igualdade.

9º Lugar - Relva do Egypto Rezende Silveira /Belo Horizonte/MG
Criam mentiras e ofensas
um abismo entre nós dois
que vai minar nossas crenças
num romance sem depois.

10° Lugar - Maurício Cavalheiro /Pindamonhangaba/SP
A vida perde o seu brilho
toda vez que tu prorrogas
o amor que clama teu filho
que espreita o abismo das drogas.
=======================================

Parabéns a todos os participantes!!!

"Hélio Pedro / Manoel Dantas / H. Alexandre / H. Felipe Souza"

Natal, 10 de março de 2009

www.trovauneversos.com