3º Concurso Une Versos 

 Concurso do Site do Clube dos Trovadores do Seridó

 OBS:  CERIMÔNIA DE PREMIAÇÃOdia 24 de abril de 2010, em Caicó/RN : Casa da Amizade - Rotary Clube - 20:00hs.

 

 

Nacional / Internacional - Tema silhueta 

Olympio da Cruz Simões Coutinho

(Belo Horizonte – MG)

 

Nas noites claras de lua,

no desenho da calçada,                

vejo a silhueta tua                    (Trova Ouro)

à minha sombra abraçada.

_____________________________________________________________

 

 

Maria Aparecida Coutinho Vilhena

(Cabedelo – PB)

Anoitecemos na rede,
muita luz...sombras depois;              
silhuetas na parede,                   
(Trova Prata)
denunciando nós dois.
_____________________________________________________________

 

Francisco José Pessoa

(Fortaleza – CE)

 

Quando o sol se faz mais forte

e a chuva responde...não!                      

a silhueta da morte                        (Trova Bronze)

se espraia pelo sertão. 

_____________________________________________________________

 

 

 

Menções Honrosas

 

                        Olga Maria Dias Ferreira / RS

                        Incríveis fachos de luz

                        brilhavam de forma intensa,        

                        na silhueta da cruz,

                        em sua forma mais densa...

 

 

Renato Alves - Rio de Janeiro / RJ 

Por trás daquela cortina

que embaça a minha visão,                                 

tua silhueta me ensina

como é dura a tentação!...

 

 

                 José Ouverney - Pindamonhangaba/SP

                 Quarto a dentro se insinua

                 a silhueta de alguém...

                 Eu finjo que a sombra é tua,                

                 e a “sombra”... finge também!

 

Menções Especiais

 

Gislaine Canales - Balneário Camboriú /SC

Vejo a tua silhueta

na sombra, bem definida,                                    

e abro, em meu peito, a gaveta 

de uma saudade escondida!

 

                  Zenaide Braga Marçal – Fortaleza / CE

 

                  Trago no peito guardada,

                  entre as lembranças da vida,              

                  a SILHUETA gravada

                  da tua imagem querida!

 

Marina Gomes de Souza Valente - Bragança Paulista/ SP

Ao ver sua silhueta

emoldurada na areia,

veio beijá-la a mareta                         

pensando que era a sereia.

 

Maria Cristina Fervier - Santa Fé / ARGENTINA

A silhueta da lua

na janela se reflete,                           10°

brilha como a pele tua

e aos meus sonhos me remete.

 

 

 

      - Comissão Julgadora:
      . Francisco Garcia de Araújo (Prof. Garcia);
      . Hélio Alexandre Silveira e Souza;
      . Hélio Pedro Souza  e           

      . Manoel Dantas.

 

 

 

 

----------------------------------------------------------------------------------------------------

Resultado Estadual- Tema musa:

 

Djalma Alves da Mota – Caicó/RN

 

Os teus olhos sacrossantos,

MUSA do idílio e do amor;                  1º (Trova Ouro)

enchem meus versos de encantos

e os meus olhos de esplendor.

____________________________________________________________

 

José Lucas – Natal/RN

 

-Musas divinas!... Ao vê-las,

no sonho que me seduz,                    2º (Trova Prata)

subo ao ninho das estrelas,

seguindo os rastros da luz!

___________________________________________________________

 

Prof. Garcia – Caicó/RN

 

A musa chega e me inspira,

num delírio encantador...                     3º (Trova Bronze)

Afina as cordas da lira

e enche o meu mundo de amor!

­­­­­­­­­­­­­­___________________________________________________________

 

  

Menções Honrosas

 

Ademar Macedo – Natal/RN

Vi à luz de lamparina,

em inspirações imerso,                  

que a musa se faz menina

para brincar no meu verso.

 

Paulo Roberto – Caicó/RN

A mulher de amor fecundo,

é feliz e se completa;                       

por ser musa e inspirar fundo

o interior do  poeta...

 

Luiz Cláudio Costa da Silva – Parnamirim/RN

A imponente arte conserva,

os traços e a singeleza                   

da bela deusa Minerva:

- musa da mãe natureza!

 

Menções Especiais

 

Maria goretti de Souza Dantas – Caicó/RN

É da musa a inspiração
fluida, ligeira, envolvente...            
vem do espaço, em gradação,
para os poetas somente.

 

Adelantha Sunnály de Souza Dantas – Caicó/RN

Musa, fonte inspiradora,
deusa que embalaa poesia;          
do poeta é protetora
com toda soberania.

 

 

Eva Yanni – Caicó/RN

Sei que me esperas, suponho,

te sinto além do infinito;                            

se és a musa do meu sonho,

és meu sonho mais bonito!

 

Mara Melinni de Araújo Garcia – Caicó/RN

Nas noites de solidão...

Lua, que embala os amores,                10º

és, em tua mansidão,

a musa dos trovadores!

 

- Comissão Estadual:

.  Francisco Pessoa – Fortaleza/CE

.  José Ouverney – Pindamonhangaba/SP

.  Marisa Olivaes – Porto Alegre/RS

.  Severino Campelo – Natal/RN